K-dorama: Boys Before Flowers (Kgotboda Namja)

Era para ter sido o meu primeiro dorama, mas a tonta aqui não tinha se animado a assisti-lo (mesmo com a Karlinha do Coffie & Movies falando tão bem) e tudo por causa do título, pois é, me matem mas é que o título me deixou com um preconceito muito arraigado e não queria nem pensar em assistir o dorama. Ainda bem que a gente sempre pode voltar atrás e decidir fazer algo que até então era impensável. Depois de ter descoberto o mundo maravilhoso dos doramas com Personal Taste e depois Goong, decidi me aventurar por Boys Before Flowers e posso dizer com certeza que ele já é um dos meus doramas favoritos (mesmo que eu tenha visto poucos).

A sinopse do dorama não entrega nem um terço dos acontecimentos de Boys Before Flowers, sério, comecei assistindo achando que a história iria ser previsível, mas os percalços e as relações entre os personagens principais e secundários são tantas e tão bem concatenadas que anula a previsibilidade do romance entre os protagonistas. Ou o roteirista estava inspirado quando fez a adaptação, ou o mangá (Hana Yori Dango de Kamio Yoko) no qual o drama foi inspirado é bem complexo.
Boys Before Flowers começa nos apresentando a Corporação Shinhwa, um grande conglomerado empresarial coreano que atua em vários setores econômicos, inclusive educacional: a Escola Shinhwa.
“Uma escola feita para 1%, frequentada por 1% e adequada para 1%”
A escola é de elite, mas o comportamento dos alunos deixa muito a desejar, alunos que não se encaixam aos padrões sofrem bullying e são humilhados de todas as formas. A presa da vez é Lee Min Ha, o garoto não aguenta a pressão e tenta o suicídio. Geum Jan Di (interpretada por Koo Hye Sun) é filha de um dono de lavanderia e foi até a escola entregar as roupas de Lee Min Ha, mas a moça salva a vida do rapaz e vira notícia e heroína em toda a Coréia. Seu ato de bravura desencadeia uma série de protestos contra o grupo Shinhwa, afinal ela é apenas uma garota comum e que não tem direito a educação elitista direcionada a esse 1%. Para calar esses protesto a presidente do grupo decide então fornecer uma bolsa de estudos para Jan Di frequentar a escola. Na escola Jan Di tem seu primeiro contato com os F4, os donos da escola, tratados como popstar, mandam e desmandam na escola. Temos Song Yoo Bin (Kim Joon), Soo Yi Jung (Kim Bum), Yoon Ji Hoo (Kim Hyun Joong) e Gu Jun Pyo (Lee MinHo, todas gritam).
Jan Di não suporta os F4 devido ao fato ocorrido com Lee Min Ha e para piorar ela compra briga com Gu Jun Pyo, o líder dos F4 e herdeiro do grupo Shinhwa. O garoto quer vingança e por esse motivo, a garota será o novo alvo das atitudes “muito maduras” de seus colegas, ela sofre mas ela tem uma força de vontade tão grande e não se rejeita às humilhações que Jun Pyo começa a sentir algo mais por ela. Mas nossa heroína, só tem olhos para Ji Hoo… Você agora deve estar presumindo que isso acarretará em rusgas no quarteto e que apesar de nossa heroína agora só ter olhos para Ji Hoo ela irá descobrir que na verdade ela gosta de Jun Pyo, os dois irão sofrer para conseguir assumir esse amor e no fim ficarão juntos. Bem, não vou dizer até que ponto esse pensamento está correto, como disse antes as reviravoltas são tantas que é difícil encaixar a história na frase acima. Mas, para ajudar posso dizer que teremos aprendizes de vilãs (o trio Ginger, Sunny e Miranda), a bruxa malvada que é I-N-S-U-P-O-R-T-Á-V-E-L (a mãe do Jun Pyo), algumas fadas madrinhas, amigas e uma família para lá de divertida (o irmão de Jan Di é muito fofo). Além disso, temos a própria evolução dos personagens. Porque quem já assistiu tem que concordar comigo, o Jun Pyo no início é simplesmente insuportável, um esnobe metido a besta de carteirinha e os outros três não ficam atrás justamente por não fazerem nada para reprimir alguns atos do amigo. Mas Jan Di, promove mudanças, mudanças que transformam o F4 de um grupo de babaquinhas para um grupo de amigos que mostram ter sentimentos, que passam a se preocupar com as injustiças e deixam de ser elitistas. Enfim, nos mostram todo seu potencial de heróis. Só para vocês terem uma ideia da complexidade das relações dos personagens, segue uma imagem mostrando a “bagunça”.
Além da excelente trama, o dorama também conta com uma trilha sonora linda e com locações paradisíacas (como Macau e Nova Caledônia). E agora que já me estendi demais nos comentários, termino este post com o trailer original e uma das músicas da trilha sonora (o tema de Jan Di). Se mais alguém se animar e assistir ao drama, depois passe aqui e me conte o que achou.
About these ads

21 Comentários

Arquivado em Dorama aleatório

21 Respostas para “K-dorama: Boys Before Flowers (Kgotboda Namja)

  1. Ahhh…Boys Before Flowers foi meu primeiro dorama (indicação da nossa querida Karlinha) e sempre será meu predileto (junto com You’re Beautiful).

    É sérioo..esse dorama é maravilhoso! Totalmente! Muito bem dirigido, com um excelente elenco e uma fotografia lindaa! No começo também não gostei muito do Jun Pyo e achei o F4 um bando de garotos imaturos. Mas isso durou só até o capítulo 3, quando pela primeira vez vemos um Jun Pyo mais sincero e muito fofo (a cena com a Jan Di bêbada é uma das minhas prediletas). Mas o capítulo 3 também nos mostra uma das maiores “vilãs” de todos os doramas que vi até hoje: a mãe do Jun Pyo! Ela simplesmente vai atormentar esse casal durante todo o dorama, de todas as formas!

    Confesso que no começo a Jan Di me irritou um pouco com sua paixonite pelo Ji Hoo e pelo fato de ficar rejeitando o Jun Pyo a todo momento, mesmo este fazendo um monte de absurdos por ela. Mas só foi uma primeira impressão. Hoje estou vendo esse dorama de novo, só que agora pelo aparelho de DVD (simm..tive que gravar e ver de novo) e entendo mais a Jan Di. Afinal o Ji Hoo foi o primeiro que a compreendeu e a ajudou, e assim como ela poderia ficar imune?! Mas aí quando o Ji Hoo caí na real, a Jan Di já está começando a sentir algo mais pelo Jun Pyo! E sabe o que mais legal?! Apesar de em alguns momentos surgir algumas tensões entre o Ji Hoo e o Jun Pyo, eles nunca deixam de ser amigos e sempre pensam no bem um do outro. Achei isso tão legal! Amei o F4…gentee..eles ajudando a JAn Di era tãao fofoo…Ver o passado desses garotos nos ajuda a entender o motivo de serem assim como são, afinal nenhum deles teve uma história muito feliz.

    Os personagens secundários também são muito legais, tanto a família da Jan Di como a irmã do Jun Pyo…vibrava quando ela aparecia e colocava o Jun Pyo no lugar dele! kkkkkkk

    E apesar de todos os dramas e das VÁRIAS complicações que aparecem ao longo da história, esta não deixa de ser divertida e leve. Apesar de ter me feito chorar em alguns momentos. Cara, o Lee Min Ho quando quer acaba com o coração de qualquer umaaa!

    E eis o melhor do dorama: o Lee Min Ho! Ahhh…suspiros! Meu ator coreano predileto (junto com o Jang Geun Suk)…me conquistou completamente. Tanto que meu 2º dorama foi Personal Taste!

    AHHHH>..vou parar aquii! Senão vai ficar maior que o meu comentário de You’re Beautiful lá no Coffie and Movies.
    kkkkkkkkkkkkkkkk

    Assistam Boys Before Flowers!! Vale totalmente a pena. Não vão se arrependerem!!

  2. Nossa Núbia, amei seu post, sério! Então como vc sabe, Boys Before Flowers, é meu primeiro dorama, sendo assim ele é meu xôdo, vc entende né? Amo o Lee Min Ho ( tira o olho, já te disse!!). Fico mega feliz de ver várias blogueiras agora vendo doramas e comentando em seus blogs, algumas ficam com pré- conceitos, mas espero que isso acabe logo. Afinal, estão perdendo não é?
    Amo a Jan Di, e em nenhum momento fiquei chateada com ela, mas sim com o Pyo ( Lee Min Ho) raiva dele em vários momentos, mas o amoooooooooooooooooooooooooooo.
    Eu divido ele com vcs ok?kkkkk

  3. Rafael

    Olá, fuçando no google achei o seu blog. Quero dizer que gostei da sua review de goong e agora venho dar minha opinião sobre boys before flowers.
    É o seguinte, eu tenho um mega – preconceito a respeito desse dorama, até porque eu assisti a versão hana yori dango (jdrama) e por isso não gostei das modificações que fizeram pra versão Coreia rsrs. Mas, depois do texto acima confesso que fiquei com vontade de dar uma segunda chance pra esse dorama hehe.
    Recomendo que você assista ao Hana Yori Dango, tenho certeza que irá gostar também… Quando eu voltar a assistir Boys Before Flowers darei meu parecer oficial rsrs…

  4. Hana Yori Dango *.* (é, eu li o mangá rsrs).
    Gosto do mangá, mas não acompanhei a evolução das adaptações pra dorama.. mesmo a versão japonesa, que dizem ser a melhor, se não me engano minhas amigas fãs de dorama gostam só da versão japonesa, e da primeira temporada. Não sei, minha relação com HYD se ateve a algumas noites não dormidas lendo o mangá (li assim, tenho que reler pra falar melhor, mas deu pra perceber que não consegui largar), tenho que ver esse coreano pra falar dele. Mas já pela sua sinopse e os comentários ele mudou bastante mesmo da história, ele entrou pra lista de doramas a ver mas não está no topo.
    Vou mandar mail falando da resenha pras minhas amigas fãs de HYD e dorama, pra elas virem aqui falar melhor sobre essa adaptação em especial. E sobre doramas em geral, estou beeem atrasada no mundo dos doramas, infelizmente.

    • Completando… estou bem atrasada, o que me dificulta a vida pra comentar, mas é tão gostoso ver alguém descobrindo o que eu gosto…. assim que ver Goong resenho e comento aqui também :D

      • Nubia Esther

        E eu só os descobri recentemente. Estou adorando acompanhar as histórias. Não conhecia esse seu lado oriental, aceito sugestões ok! Vou querer saber a sua opinião depois que assistir Goong, é um dos meus favoritos. =D

  5. Nubia Esther

    Vou responder todo mundo na mesma resposta…

    @Alayana e @Karlinha –> assim como a Karlinha eu também não fiquei com raiva da Jan Di em nenhum momento, na verdade me peguei torcendo em alguns momentos para ela ficar com o Jin Hoo, principalmente nos momentos em que sentia muita raiva do Jun Pyo. Aish! Dos doramas com o Lee MinHo ainda sou mais fã de Personal Taste. Que bom que gostaram do post meninas, espero continuar conseguindo passar minhas impressões sobre os doramas que tenho assistido, quem sabe divulgando-os não conseguimos levar mais pessoas a conhecê-los! \o/

    @Rafael e @Alinde –> eu ainda não me aventurei pelos doramas japoneses, então não posso falar mais sobre isso. A impressão que tenho é que os japoneses são mais “frios” em suas atuações do que os coreanos, mas isso é preconceito meu e só poderei saná-lo ou confirmá-lo depois que assistir ao meu primeiro j-drama.
    Não sou grande conhecedora de mangás, que eu me lembre só cheguei a ler 3 em toda a minha vida, e quando falo 3 significa só 3 edições nunca li uma história completa. Mas, fiquei com vontade de ler HYD depois do seu comentário Cei.
    Peça para suas amigas passarem por aqui sim, vai ser muito bom ler a opinião delas e quem sabe descobrir novos doramas para assistir. \o/

    • Rafael

      Realmente, os doramas japoneses ficam devendo em algumas coisas pros Coreanos, mas a atuação da Mao Inoue como Tsukushi (Jan Di)em hana yori dango foi uma das melhores que eu já vi, empatando com a Yoon Eun Hye em Goong.
      Em alguns momentos ela era tão real que eu passava capitulos e mais capitulos do dorama com o coração na mão, doido pra ver o desfecho rsrs.
      Já o mangá nunca tive aquela vontaaade de ler, eu até tentei mas ficou difícil pra me acostumar, por isso fico com Hanadan JP mesmo hehe.

  6. Certamente que se elas arranjarem tempo pra vir pra cá comentar e vcs virarem contatos teremos ambas muitas dicas do que assistir.
    E eu sou o seu contrário, só vi j-dramas e bom, posso dizer que de “frios” eles não tem nada… mas acho que se vi 4 completos foi mto, posso falar mto mais do que vc não LOL

  7. Não sei… minha opinião é muito diversa
    ( Sou amiga da Alinde que ela disse que ia enviar o link ^^)
    Eu pessoalmente conheço a história de ‘Hana Yori Dango’ pelo mangá… e acompanhei todas as adaptações até o presente momento ^^
    Então talvez a série coreana pela perspectiva de um ‘drama’ para quem não conheça a história funcione…
    Eu tenho vários problemas com a série, eu acho ela arrastada e acho que perde muita coisa. Mas, é a visão de quem está analisando como ‘Hana Yori Dango’…
    Meu maior problema é a personagem principal. Pessoalmente o que me atraiu em HYD é a força da personagem principal que você chama de Jan Di (na verdade, o nome em japonês é Makino Tsukushi) e eu tenho problemas com a atuação da atriz coreana… essa Tsukushi meio bobalhona, cheia de caretas… A Tsukushi que eu gosto .. vive uma vida difícil, é muito direta, tem os momentos engraçados mas o principal é a força dela…
    Na verdade a ‘Jan Di’ para mim só lembra a ‘Tsukushi’ quando contracena com o Jun Pyo (em Japonês Domyouji) e grande parte da responsalibilidade é do ator Lee e MinHo, que foi o que eu mais gostei na questão de atuação.
    Enfim, eu não gosto da adaptação, de como a Jan Di entra na escola… de como vão relacionando aos fatos… detestei o que fizeram com o Soujiro, um chorão bobão…
    Até a trilha sonora eu não gosto XDD Acho as músicas destoam um pouco.
    Não sei se acostumei com as OST japonesas que tem duas músicas mais pops usadas cuidadosamente e o resto são instrumentais especialmente feitas para a série….
    Enfim… as séries japonesas são mais enxutas, tem menos barriga de enrolação, são mais fechadas… e por isso desenvolvem com mais rapidez tendo menos episódios.
    Eu pessoalmente gosto de vários dramas coreanos como Goong e Coffee Prince… mas costumo preferir os japoneses…
    Talvez o que não tenha nos japoneses é interação física.. e para nós isso pode parecer frieza (povo mto ligado ao contato físico) mas para mim emoções para serem transmitidas muitas vezes não precisam de contato físico.
    Bem, se você quiser conhecer mais de Hana Yori Dango tem um site muito bom de uma amiga, que nós fizemos um podcast sobre a série… você vai poder ouvir mais sobre as diferenças… e as outras adaptações e a história original (que é o mangá)
    *se vc for escutar, sobre HYD mesmo só começa depois dos 24 minutos ^^*

    Parte 1- http://shoujo-cafe.blogspot.com/2010/08/shoujocast-no-ar-tudo-o-que-voce-sempre.html

    Parte 2- http://shoujo-cafe.blogspot.com/2010/10/shoujocast-29-no-ar-tudo-o-que-voce.html

    • Nubia Esther

      Bem que tu avisou que era bem diversa, *risos. Aliás, muito obrigada por vir aqui comentar e nos trazer mais informações sobre o mangá e suas adaptações. Como falei antes, minhas experiências com mangá são praticamente nulas, então isso pode ter sido um fato que me permitiu gostar da versão coreana.

      Quanto a enrolação, tenho que confessar que gosto dependendo do dorama até gostaria de ela fosse maior. Mas, tenho vontade de ver um dorama japonês sim, quero analisar as diferenças entre eles e os coreanos, só não sei se começarei com HYD, quero assistir algum aleatório antes para vê-lo sem pré-conceito algum. Aliás, aceito recomendações de j-dramas viu! ^^

      E valeu pelos links, depois vou visitar o site e ouvir os podcasts com mais calma. =)

  8. Pingback: 5° Dorama: The First Shop Of Coffee Prince | Blablabla Aleatório

  9. Pingback: Este mês (Maio de 2011) | Blablabla Aleatório

  10. Pingback: J-drama: Hana Yori Dango | Blablabla Aleatório

  11. ziene

    esse dorama esta em premeiro lugar ,de todosque ja vi.agora estou asistindo lie to me e com certeza todos que tiverem a oportunidade de ver vao adorar.

  12. Thamyris

    Mermãaaa para com isssooo! kkkk
    eu amoooo esse Dorama.. e o Gu Jun Pyo (Lee Min Ho) me tirava o ar toda vez que ele entrava em cena.. POdreeeee de lindoooo (nossa!!!)e quando ele chora? e quando ele grita? e quando ele bate? o QUE é AKILOOOOO??? ameiiiiii demaiss! kkkkkkkk a historia é boaa.. eles são lindos e é muito muito muito Romantico. showww.. eu axo ki xonei galera! hahahahah

  13. Bom …BBF foi meu primeiro dorama e eu digo com todas as letras que eu simplesmente A-M-E-I!. Mesmo no inicio não tendo uma lista enorme de doramas assistidos e uma grande experiência para poder criticar e comparar eu me apaixonei por BBF…O desenrrolar da hsitória É REALMENTE EMPOLGANTE, cheio de altos e baixos e fatos totalmente imprevisiveis( o acidente com o jun pyo, o casamento de jun pyo, o fato do pai do jun pyo está vivo) uma série de coisas me surpreendeu.
    Agora sou fascinada por doramas e também claro por lee min ho ( lindo d+) ele é fofo e ao mesmo tempo tão intenso ( garotas lembrem de personal taste) e também é um otimo ator, sempre interpretando bem os personagens. Vocês já devem ter percebido que os atores coreanos tem talentos multiplos, eles cantam, dançam, interpretam, desenham affz!! é d+ pra mim. espero que os DORAMAS se tornem mais conhecidos no Brasil.
    AHH!! Já já começo a ssistir J-dramas ( nunca assistir nenhum) quero ver se os japinhas vão superar minhas expectativas rsrsrsrsr!!!
    Pena ter conhecido o seu blog tão tarde assim, talvez você nem veja o meu comentário, mas tudo bem…vou ver as postagen s mais recentes e comentar. Olha estou super disponivel para recomendações de doramas ou J-dramas.
    BEIJOS!

    • Nubia Esther

      Oi Crislane,

      fico muito feliz que você tenha nos encontrado e que goste tanto de doramas, é sempre bom encontrar novas pessoas que curtem essas séries asiáticas, para trocar impressões, descobrir dramas novos ou simplesmente babar pelos gatos de olhos puxados. =~~

      BBF é muito bom mesmo, tem todos os elementos de um bom drama; garotos rebeldes e maus ficando fofos, romance, bruxa má, muito drama… já que você quer se aventurar pelo mundo dos j-dramas também recomendo que comece com a versão original de BBF (intitulada de Hana Yori Dango), você vai poder curtir a versão japonesa dessa história que você tanto gosta e quem sabe se animar para ver outros j-dramas. Eu postei sobre a série (são duas temporadas e um filme) aqui: http://feanari.wordpress.com/2011/06/04/j-drama-hana-yori-dango/

      Fique à vontade para passear por aqui e se quiser me adicione no twitter para conversarmos por lá.

      Abraço,
      Núbia

  14. Gleyciane

    Terá uma segunda temporada,fiquei sabendo que sim para Fevereiro de 2013 vc pode nos contar se souber o que acontecerá.

    • Nubia Esther

      Não sabia dessa informação Gleyciane! Vou dar uma procurada por aí e se descobrir alguma coisa coloco aqui. Obrigada pela visita!

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s