Um Autor de Quinta #29

Coluna inspirada no Uma Estante de Quinta da Mi Muller do Bibliophile. Pretendemos toda quinta-feira trazer informações, curiosidades e algumas dicas de leituras e afins sobre algum(a) autor(a).

Anthony Burgess

John Anthony Burgess Wilson nasceu em 25 de fevereiro de 1917 em Harpurhey no subúrbio de Manchester. Burgess ficou órfão de mãe ainda na infância.  Quando adolescente queria ser compositor, carreira que foi seguida de objeções por seus familiares por não terem dinheiro para isso, o que não o impediu de aprender a tocar piano de forma autodidata aos 14 anos e mais tarde tentasse ingressar no curso de música na Victoria University of Manchester. Ele foi recusado no curso de música devido às baixas notas em física. Burgess  graduou-se em língua inglesa e literatura, sem nunca deixar de lado a música tendo composto músicas regularmente ao longo de sua vida.

Burgess serviu por seis anos no exército inglês durante a 2° Guerra Mundial e trabalhou como professor junto ao Serviço Colonial Britânico na Malásia. Foi durante esse período que ele publicou seus primeiros romances: Time for a Tiger, The Enemy in the Blanket e Beds in the East, que se tornaram conhecidos como a trilogia The Malayan.

Durante 1939 e 1945, Burgess atuou como diretor musical no exército inglês, arranjando muitas peças para a banda musical. Em 1945 ele escreveu Sonata for Violoncello and Piano in G Minor, peça que foi descoberta recentemente nos arquivos da Fundação Burgess. Nesse link  do site da fundação é possível ouvir um trecho da referida obra.

Burgess é considerado um dos artistas mais prolixos, característica essa que se tornou exacerbada quando foi diagnosticado em 58-59 com um tumor no cérebro que lhe daria no máximo mais um ano de vida. Com medo de deixar sua esposa sem recursos financeiros depois que morresse, Burgess mudou-se para a cidade costeira de Hoye, no sul da Inglaterra para escrever o máximo que conseguisse. Sua intenção era que a esposa vivesse dos direitos autorais de suas obras após sua morte. Foi durante esse período que ele começou a escrever seu mais célebre romance Laranja Mecânica, que, no entanto permaneceria inacabado caso os médicos tivessem sido precisos em seus diagnósticos. Felizmente eles estavam errados e Burgess viveu até os 76 anos, podendo terminar a história de Alex e deixar uma grande obra entre romances, peças de teatro (inclusive uma adaptação para um musical de Laranja Mecânica), roteiros de cinema e TV e biografias.

Burgess viveu mais que sua primeira esposa e morreu no dia 22 de novembro de 1993 de câncer no pulmão em Londres. Suas cinzas foram enterradas em um cemitério em Mônaco.

Livros

Com uma produção bibliográfica tão extensa é descabido citar todos os seus livros aqui, mas para quem tiver interesse a lista completa de suas obras de ficção e poesia pode ser acessada aqui, de não-ficção aqui e de traduções e adaptações aqui.

No Brasil:

A Companhia das Letras publicou Enderby por Dentro (1990)

Sinopse: O romance é um mergulho no mundo peculiar e cômico de um poeta com problemas digestivos que, ao mesmo tempo, resiste em ser “dirigido” pela sociedade. Com esta história aparentemente simples, contada com vigoroso humor que fustiga as convenções sociais e provoca gargalhadas pouco britânicas diante de situações que beiram o absurdo, Burgess devassa impiedosamente o grotesco da condição humana.

A L&PM publicou em 1980 a edição já esgotada de 1985, romance no qual o autor contesta o romance 1984 de George Orwell e inventa seu 1985. Será que não rola uma segunda edição L&PM?

A Ediouro publicou Nada Como o Sol uma biografia romanceada de William Shakespeare.

 

E finalmente a edição mais recente de Laranja Mecânica publicada pela Editora Aleph. O único livro do autor que li, mas que me deixou com muita vontade de conhecer o restante de sua obra

 

Burgess no Blablabla:

Resenha Laranja Mecânica

Site sobre o autor:

http://www.anthonyburgess.org

Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anthony_Burgess

http://en.wikipedia.org/wiki/Anthony_Burgess

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Travessa Fnac
About these ads

Deixe um comentário

Arquivado em Um Autor de Quinta

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s