Um livro que mudou a minha vida

É difícil escolher só um. Foram muitos livros que me mudaram e me fizeram ver o mundo de um jeito diferente. Dentre eles, Harry Potter, sobre o qual eu já falei neste post. Outro, muito importante para mim, é O Senhor dos Anéis.

Quando meu pai me deu os primeiros Harry Potters, eu achava que nenhum outro livro jamais seria tão legal. Eis que um dia, eu fui chamada ao escritório do meu pai, onde ele me mostrou o trailer do primeiro filme da trilogia de O Senhor dos Anéis. Ele estava eufórico com o lançamento do filme, algo que eu nunca na vida vi. Eis que ele me diz:

Mari, quero que você leia este livro e me conte a história ANTES DO FILME.

A gente estava em outubro. Algum tempo depois, meus tios que moram em Portugal vinham ao Brasil visitar a família, e meu pai foi ao aeroporto buscá-los.

Três adendos são necessários agora:

1) Eu tenho um fascínio incrível por aeroportos. Acho luxo demais o fluxo das pessoas e meu sonho é ver alguém com uma plaquinha com meu nome indo me buscar. Porque eu já tive a recepção cheia de familiar no portão de desembarque, ou eu ia querer isso também.

2) Meu pai é uma pessoa surtada com horários. Quando ELE vai viajar, ele chega com 2h de antecedência se for vôo nacional, e umas 4h, se for internacional. Acho que ele gosta de sala de embarque. E quando ele vai buscar alguém, ele chega com as mesmas 4h de antecedência.

3) Meus pais sempre incentivaram minha leitura. Ultimamente eles acham que eu gasto demais com livros e eu devia comprá-los no ritmo que leio, não mais rápido, mas  tirando isso, eles sempre me deram muitos livros e tal. Meu pai tem  uma estante de livros invejável.

Então neste fatídico sábado em que meus tios iam chegar, eu estava no aeroporto 4 horas antes da previsão do vôo, o qual fez o favor de atrasar. E gente, por mais que eu goste de aeroportos, ficar 6 horas em um é demais pra qualquer criança de 12 anos! Passeando pelo aeroporto, entramos na Livraria Laselva para ver as novidades e eu encontrei o tomo que é a Edição Única do O Senhor dos Anéis. Usei a seguinte argumentação brilhante: “Pai, vou ficar aqui por mais ou menos 6 horas e você disse que era pra eu ler e te contar a história. Compra logo pra eu pelo menos começar!” e foi o que ele fez.

Não vou descrever o tanto que eu enrolei para conseguir ler. Afinal, a festa interminável do Bilbo é chata demais!!! Mas eu consegui chegar até o começo de As Duas Torres antes do dia em que assistiríamos o filme no cinema e eu contei a história pro meu pai. Depois que eu passei a Sociedade do Anel, demorei mais seis meses (um recorde de lerdeza) para ler o resto do livro. Ainda achava Harry Potter muito melhor.

Algum tempo depois, não sei porque, peguei de novo o livro para ler, e li os três em dois dias. Eu lembro perfeitamente bem de pegar uma xícara de café, daquelas pequenas, que parece pra boneca, e encher de açúcar de confeiteiro, que eu comia lambendo dos dedos (criança nada né?) enquanto eu lia de madrugada na sala. Nessa época, eu me apaixonei pela história, pela narrativa, pelas personagens, e virei fã. E procurei mais na internet. Encontrei um fórum chamado Valinor, que existe até hoje, e fiz um cadastro SÓ para poder participar da trivia. Isso foi no dia 14 de novembro de 2003 (eu só lembro do dia porque é o dia do aniversário da minha mãe xD).

Só fui entrar de novo na Valinor em 2006, quando a revisão do colegial me entediava a manhã toda, e eu queria algo bobo em que perder o tempo de tarde, ao invés de estudar pro Vestibular. Acessei, encontrei um cara legal pra me convencer a perder a timidez e fiz amigos. Não vou ser nada humilde agora, mas eu causei na Valinor naquela época. Por minha causa, metade dos usuários usaram avatares de pinguim por um bom tempo. Por causa disso, meu grupo de amigos virou “os Pinguins”.

Em 2007, no encontro nacional dos usuários da Valinor, eu conheci o Fábio, meu atual namorado. A única pessoa do universo com paciência o bastante para me aguentar, tolerar meus TOCs e manias, apoiar minhas iniciativas e acreditar em mim. Eu fico desesperada de pensar que teria sido MUITO fácil nós nunca termos nos conhecido. E o fato de que, apesar de todas as coisas pesando contra, nós termos nos conhecido, ficado amigos, e estarmos juntos, para mim, é a prova de que milagres existem (momento amor)

Eu sempre me senti totalmente excluída no mundo. O Senhor dos Anéis me fez conhecer um mundo mágico e bonito, me fez descobrir que adoro livros que narram batalhas. Eu conheci Bernard Cornwell assim – e ser fã de Cornwell é um predicado meu. Conheci Nárnia porque soube que C. S. Lewis escreveu a série para agradar o Tolkien (que por sinal odiou e os dois deixaram de ser amigos). Fiz amigos. Conheci gente doidinha igual a mim. Tanto imaginários quanto de verdade.

Ah! Não posso esquecer outra contribuição de SdA na minha vida: conheci a Núbia, que posta aqui no blog comigo, por intermédio de outra amiga que fiz na Valinor, a Alinde.

E, por causa de O Senhor dos Anéis, eu sou a Feanari nas horas vagas, e metade dos meus amigos me chama de Fê.

Na verdade, eu podia falar horas e horas de SdA, mas vamos combinar que o texto já está longo o bastante né?hahah


Anúncios

10 Comentários

Arquivado em Simplesmente aleatório

10 Respostas para “Um livro que mudou a minha vida

  1. Nubia Esther

    lol, eu também fiz o meu cadastro na Valinor para participar das trívias, era viciada naquilo… XD
    Só em 2007 tomei coragem de participar do fórum e que bom que me decidi por isso, está aí um livro que posso dizer que mudou minha vida, conheci pessoas que se tornaram importantes para mim (você é uma delas) e me possibilitaram a descoberta de outras tantas coisas.

    PS: eu cheguei a usar um avatar de pinguim!
    PS2: Tenho um pouco da birra do Tolkien por Nárnia, ainda não tive coragem de ler o livro até hoje, nem sei se irei ler… hahaha

    Curtir

    • Eu era MEGA viciada naquelas trívias, era mto legal… Pena que tiraram =(
      Eu tenho certeza de que SdA é um livro importante pra MTA gente no nosso círculo de amizades, Núbia xD
      Avatares de pinguin ruleam! E Narnia poderia ser melhorzinho, mas não é de todo ruim =)

      Curtir

  2. Fábio

    Exagerada xD
    Você fala como se fosse insuportável 😛

    Curtir

  3. Li esse livro no terceiro ano do colegial, ano da estréia do primeiro filme da trilogia. Naquele ano eu nem sabia da existência desse livro e nem do filme que estava para ser lançado em dezembro. Foi um grande amigo, que amava Harry Potter como eu, que me mostrou A Sociedade do Anel. Ele estava lendo e me falou do filme que viria.
    Eu me interessei pela história e resolvi pegar o livro na biblioteca. Li todos os volumes muito antes dele pensar em terminar. Eu amei o mundo mágico que Tolkien criou com todos os detalhes e personagens interessantes. Em vários momentos achei um pouco descritivo demais, mas a curiosidade era maior e li sem parar.
    Enfim, esse foi um livro muito importante para mim. Me apresentou um autor impressionante e me fez adorar ainda mais viajar no mundo da leitura…
    Acho que escrevi demais! kkk
    Bjocas

    Curtir

    • Nossa, não existe escrever demais =) Adoro comentários longos e carinhosos ^^
      SdA mudou a vida de muita gente mesmo, é um livro incrível. O Tolkien era totalmente obsecado pelo mundo que criou, então descreveu ele de uma maneira incrível. Ele demorou 9 anos pra escrever e editar e re-escrever a trilogia, e mesmo depois de publicada, achou que estava ruim. Essa dedicação explica porque o Silmarillion e os demais livros dele saíram post-mortem: ele era tão minucioso que não queria que o livro saísse incompleto (o que acabou acontecendo)…
      Tolkien eh exemplo de dedicação. Adoro =)

      Bjos!

      Curtir

  4. Pingback: Um Autor de Quinta #1 | Blablabla Aleatório

  5. Ola, gostaria de informar que usei parte do seu depoimento em um post do meu blog explicando o porque as pessoas devem ler Senhor dos Anéis, obviamente coloquei todos os seus créditos e o link de seu blog. Caso tenha se interessado segue o link: http://epicamentefalando2.blogspot.com.br/2012/09/semana-tolkien-motivos-para-se-ler.html

    Curtir

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s