Wake (Lisa McMann)

A Núbia já resenhou este livro aqui no blog – Clique aqui para ver o que ela achou!

Janie não gosta de festas de pijama. Dormir com outras pessoas próximas é, literalmente, um pesadelo para ela. Assim como aulas chatas, excursões de escola e seu trabalho em uma casa de repouso. Acontece que quando alguém dorme perto de Janie, esta perde a consciência e é tragada, com ou sem convite, para dentro do sonho da pessoa, do qual ela só consegue sair quando o sonhador acorda.

Se ao invés de sonho a pessoa tem um pesadelo, as coisas pioram: além de pesadelos terem um alcance maior, e poderem chegar a Janie de mais longe, eles fazem com que a garota tenha espasmos e perca a consciência de tal forma que demora horas para que se recupere depois. E como se isso não bastasse, as pessoas a enxergam e imploram por ajuda, que Janie não sabe como fornecer.

Para a sorte de Janie, e o avanço da narrativa, aos poucos ela aprende que pode ajudar as pessoas a mudar seus pesadelos e aprender a viver com o fato que os causa. Assim, se o pesadelo de um pai é nunca ter dito ao filho que estava errado, no sonho novo ele tem esta chance. Pode não parecer muita coisa, mas quando se tem pesadelos recorrentes (como é o caso das personagens que Janie consegue ajudar), com certeza é um alívio.

Cabel é uma destas pessoas. Um garoto perturbado, que reprovou um ano e entrou para a turma de Janie, onde nunca foi notado até mudar seu estilo sonha frequentemente com um trauma infantil. E acaba sendo a única pessoa que presencia o que Janie consegue fazer. Os dois obviamente se apaixonam (a única parte previsível do livro) e se ajudam: ela o ajuda a mudar os pesadelos, e ele a ajuda a entender como funciona o seu dom.

O livro é narrado em parágrafos curtos e rápidos, encabeçados por dia e hora, de modo que podemos acompanhar bem a cronologia dos acontecimentos. Este jeito diferente de descrever no começo me incomodou, mas depois de um tempo eu acostumei e desencanei. A autora me deixou curiosa o tempo todo, o que é sempre bom, ainda mais quando ultimamente todos os livros parecem ser totalmente previsíveis.

A trilogia Wake tem mais dois livros: Gone e Fade (que a Núbia já leu, e eu, lerdinha, ainda não), que subiram um pouco na lista dos próximos a serem lidos. No Brasil, toda a série já foi lançada pela Editora Novo Século.

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Travessa Fnac
Anúncios

10 Comentários

Arquivado em Resenhas da Feanari

10 Respostas para “Wake (Lisa McMann)

  1. Gostei bastante desse livro, ele é puchado no estilo de livros que eu gosto. Achei que a autora sabe dar bastante vida aos seus personagens .

    Curtir

  2. aa varios livros de ficção que eu amoo! Tipo tem a série House of Night, a continuação de Sussurro, varios. Amo todos, alias acabei de ler ontem o ultimo livro de Wake *——————-*

    Curtir

  3. A esqueci, também tem uma coleção de livros muitoo boa, o primeiro livro é Para Sempre *O* ‘ cara é perfeita! O ultimo livro de Wake, Gone, deicha muitos caminhos abertos, para continuação, mas ele é muito bom mesmo assim! Adoro livros de ficção! Tem o livro a Hospedeira , da mesma autora de crepusculo!

    Curtir

  4. Eu também já li os três e to esperando o quarto ! São maravilhosos! #livros de ficção, os melhores.

    Curtir

  5. Pingback: Fade – Lisa McMann | Blablabla Aleatório

  6. Pingback: Um Autor de Quinta #18 | Blablabla Aleatório

  7. Pingback: Gone – Lisa McMann | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s