K-dorama: Dream High

Quem me conhece sabe que gosto muito de séries e filmes que tenham um apelo musical forte (não é a toa que continuo a ver Glee, apesar de alguns pontos da série terem deixado a desejar). É por isso também que nas minhas listas de dramas vistos e futuros sempre figuram histórias com essa temática, seja voltado para a música clássica (como é o caso de Bethoven Virus) ou com uma pegada mais atual como em You’re Beautiful  e o drama da vez: Dream High.

 

  • Título:드림하이 / Dream High
  • Gênero: escola, drama, comédia, romance, musical
  • Episódios: 16 + Especial
  • Período em que foi ao ar: 03/Janeiro/2011 à 28/Fevereiro/2011
  • Rede de televisão: KBS2
  • Diretor: Lee Eung Bok
  • Roteirista: Park Hye Ryun

Dream High traz a história de jovens que tem o sonho de se tornarem estrelas da indústria coreana de música. Para quem tem interesse em vislumbrar como os artistas do K-pop (se não sabe o que é K-pop veja o vídeo que Babi Dewet do Fantastic Baby  produziu aqui) surgem, o drama é uma boa pedida. São muitos os alunos da Kirin Art High School interessados em virarem estrelas, mas o foco de Dream High são em seis deles, alunos que alguns diriam que não merecem ter a chance de se tornarem um pop-star, outros que esnobam esse estilo musical e outros que precisam descobrir e acreditar em seu potencial. São eles:

Go Hye Mi (interpretada por Suzy) desde pequena é uma entusiasta de música clássica e seu grande sonho é estudar na Jilliard. Sonho esse que teve que ser abandonado quando os negócios do pai faliram, porque além de não ter o dinheiro necessário para ir para a escola, o pai falido fugiu e deixou Hye Mi e a irmã mais nova (Hye Sung) a mercê dos cobradores. E um desses cobradores, tem um plano completamente diverso para Hye Mi. Quer que a garota se transforme em uma artista pop para assim reaver o dinheiro investido no pai. Para isso, Hye Mi precisa se tornar aluna da Kirin (escola que a garota abomina). No início da história, apesar de todos os pesares que a moça tem que enfrentar por causa dos cobradores, é impossível não sentir antipatia pela Hye Mi. A garota é uma chata de carteirinha e seu esnobismo é de provocar raiva em algumas situações.

Yoon Baek Hee (Ham Eun Jung) sempre foi um entusiasta de Hye Mi, vivia seguindo a garota por todos os lugares e apesar da aparente relação fã-ídolo parecia haver uma relação de amizade entre as duas. Amizade esta que ficou fortemente abalada depois das seletivas para a Kirin. Ambas fizeram a audição juntas e apenas Baek Hee foi admitida na escola, o que provocou o orgulho de Hye Mi que humilha a amiga. E daí para a relação virar antipatia é um pulo…

Song Sam Dong (Kim Soo Hyun) vive com a mãe em uma comunidade rural. Tem dom para a música, mas esconde isso da mãe porque ela sofreu muito por causa de seu pai que era cantor.

Jin Gook (Taecyeon) não tinha a pretensão de se tornar artista, na verdade ele achava que queria permanecer fora da atenção do público, mas, para ajudar um amigo durante a audição da Kirin ele acaba chamando a atenção do diretor que vê potencial no rapaz.

Fechando o sexteto temos Kim Pil Sook (IU) e Jason (Wooyoung). Ela é dona de uma bela voz, mas é considerada sem futuro no mundo do entretenimento por não corresponder ao padrão de beleza de um artista. Ele já se considera um artista completo e precisa aprender a aprender e que ainda pode melhorar. Pil Sook e Jason é o casal inesperado e o que mais funcionou, renderam ótimas cenas e tornaram a parte romântica do drama mais fofa.

Baek Hee, Pil Sook e Jason foram aprovados nas audições. A entrada de Hye Mi está condicionada ao aceite de Jin Gook e Sam Dong em também se tornarem alunos da Kirin. Eles ficarão sob responsabilidade do professor Kang Oh Hyuk (Uhm Ki Joon), o Will Schuester da Kirin, nunca atinge sucesso com seus alunos e precisa encontrar a motivação necessária para lapidar os dons brutos dos alunos que recebeu. Uma superação dupla, tanto do professor que precisa quebrar sua sina de insucesso, quanto dos alunos que precisam mostrar aos outros alunos da escola que merecem a confiança depositada neles pelo diretor.

Dream High traz muita música, muita dança, tramoias e intrigas que mostram que a luta para conseguir atingir o sucesso também pode ser bem tortuosa, romance, amizade e muito drama, porque quando estamos falando de música a superação sempre tem que estar presente e eu gostei muito da forma como ela foi trabalhada. Enfim, eu tentei inúmeras vezes não fazer comparações entre Dream High e Glee, mas foi impossível. Em ambas as histórias, temos desajustados em busca da fama, problemas pessoais mil e um professor que faz de tudo e mais um pouco para que o sonho de seus alunos se torne realidade. E não, isso não é algo ruim, pelo contrário, é impossível não sentir empatia por esses personagens, até da esnobe Hye Mi, a menina no início tem o sentimento de uma porta, até um robô exprime mais sentimentos que ela, e é só isso que nos faz não odiá-la eternamente e até começar a gostar mais da personagem quando ela mostra que o coração dela não é de gelo. Essa mudança de sentimentos pelos personagens ao longo da trama foi o que mais gostei em Dream High. Na história não temos um vilão ou alguém para odiarmos eternamente, personagens que odiamos no início amamos depois, outros que amamos no início passamos a odiar depois voltamos a amar, enfim, prepare-se para os sentimentos inconstantes e para se apaixonar pelos personagens.

Não posso terminar essa resenha sem mencionar o professor Yang Ji Man (Park Jin Young) que juntamente com Oh Hyuk rendeu ótimas cenas durante o treinamento dos alunos; a professora Shi Kyung Jin (Lee Yoon Ji) que surpreendeu de forma inesperada e positiva; e Ma Doo Shik (Ahn Kil Kang) e Kang Oh Sun (Ahn Sun Young) que trouxeram o tom hilário ao drama.

E para encerrar, uma das cenas que mais gostei no drama. Afinal, com um pouco de criatividade é possível sim fazer o público conhecer o seu trabalho e alçar voos maiores. Flash mob de divulgação da música do grupo dos garotos (que por sinal é a música tema do drama):

Para conferir:

Projeto do fansub Yö Dramas. O projeto pode ser acessado aqui . Prestigiem os fansubs!

Fontes:

http://wiki.d-addicts.com/Dream_High

http://mydramalist.info/title/4613/dream_high

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Dorama aleatório

2 Respostas para “K-dorama: Dream High

  1. Stella

    Um dos meus Dramas favoritos :3

    Curtir

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s