J-dorama: Buzzer Beat

Antes de falar qualquer coisa sobre o drama, antes tenho que agradecer minha amiga Priscilla que gravou o drama para mim. Se não fosse por ela, talvez eu nunca chegasse a ver essa história. Quem acompanha o blog sabe que tenho uma predileção assumida pelas produções coreanas, mas os japoneses estão me conquistando aos pouquinhos, principalmente quando os atores não gritam tanto. Com uma história simples, mas com a qual é impossível não se identificar, atores cativantes e uma trilha sonora viciante, Buzzer Beat entra para a lista de produções japonesas que gostei e recomendo.

  • Título:ブザー・ビート/Buzzer Beat
  • Gênero: romance, esporte
  • Episódios: 11
  • Período em que foi ao ar: 13/Julho/2009 à 21/Setembro/2009
  • Rede de televisão: Fuji TV
  • Diretores: Nagayama Kozo (ep 1,2,5,6,9,11), Nishiura Masaki (ep 3,4,7,8,10)
  • Roteirista: Omori Mika
  • Música Tema: Ichibutozenbu by B’z

Kamiya Naoki (Yamashita Tomohisa – do qual já me tornei fã ❤ ) desde pequeno tinha o sonho de ser um jogador profissional de basquete. Hoje ele é jogador no JC ARCS, mas desde que entrou para a liga profissional ele erra jogadas essenciais e não consegue jogar bem sob pressão. Na final do campeonato de basquete e perde um importante lance livre e vê o sonho da conquista escapar por entre os dedos.

Shirakawa Riko (Kitagawa Keiko) é estudante de música e tem o sonho de se tornar uma violinista profissional, mas não consegue se destacar e cada vez mais acha que seu sonho não irá se realizar.

 

Dois sonhadores, que já estão quase cansados de sonhar, mas que estão destinados a se encontrarem, ajudarem um ao outro na busca por seus sonhos e no meio disso tudo ver a amizade se transformar em amor. Mas, Naoki namora Nanami Natsuki (Aibu Saki) e tem planos de se casar com ela. E o técnico de Naoki, Kawasaki Tomoya (Ito Hideaki), se apaixona à primeira vista por Riko…

 

Um roteiro simples, a busca pelos sonhos, a amizade que vira amor e os empecilhos de sempre (leia-se a outra que tem o garoto fofo nas mãos e não dá valor ao que tem, mas que quando perde não consegue aceitar; e o outro cara fofo que desde o início sabemos que não terá a mínima chance com a mocinha) para essa relação deslanchar de vez. Mas, é impossível não gostar de acompanhar a amizade da Riko e do Naoki, uma amizade que começa na quadra de basquete do bairro onde moram, ele que vai ali para treinar suas cestas e ela para tocar violino e que vai aos estádios e apresentações musicais para dar o empurrãozinho que cada um precisa para enfrentar os desafios (nesse caso eu nem ligo da Riko gritar um pouquinho, até porque as cenas que envolvem seus gritos são bem hilárias). Buzzer Beat traz romance, superação com a dose certa de drama e de forma bem coerente com a história e ainda sobra espaço para a comédia (e aqui não posso deixar de fazer referência à amiga de Riko (Ebina Mai – Kanjiya Shihori) e ao amigo do Naoki (Hatano Shuji – Mizobata Junpei) que foram responsáveis por algumas das cenas mais divertidas da história). Além disso, soube misturar muito bem esporte e música, duas coisas que podem parecem tão díspares à primeira vista, mas que provaram ser uma ótima mistura. Se alguém conhecer outro drama nesse estilo aceito recomendações.

 

Para terminar, eis um vídeo do grupo B’z cantando a música tema do drama:

Para conferir:

Projeto dos fansubs Meteor Dramas e Asian Lovers, pode ser baixado no AnimesXGames, aqui.

Fontes:

http://mydramalist.info/title/309/buzzer_beat

http://wiki.d-addicts.com/Buzzer_Beat

Anúncios

7 Comentários

Arquivado em Dorama aleatório

7 Respostas para “J-dorama: Buzzer Beat

  1. Fernanda

    Bem, também não sou muito fã de J-dramas, só alguns que vi que gostei, mas pelo seu post, vou dar uma chance a esse. Esportes e música realmente não é uma combinação usual, mas exatamente por isso me deixou curiosa. Vou conferir depois sim. Como sempre, adoro como você escreve ^_^

    Curtir

    • Nubia Esther

      Ah, eu sempre reclamo dos j-dramas porque os personagens gritam muito e não sou muito fã dessa técnica huahauhuaua
      Esse é um pouco mais sério e adulto, então não tem tanta gritaria (a Pri o indicou para mim justamente por isso) =P
      Eu acho que você vai gostar Fer! Obrigada! ^^

      Curtir

  2. Amiga nãoo faz isso comigo!!!!!!!! Amei sua resenha e fiquei super curiosa para ver esse jdrama! Ja estava pensando em ver um dorama japones por esses tempos e esse seu post caiu como uma luva, pena que no momento ainda estou atolada em dramas para finalizar! Mas com certeza esse será meu prox jdrama! Parece ser mto legal! Se você gostou tenho certeza que vou gostar tbm! uahauahahuahau Assim que o ver te falo o que achei ok?!

    Parabéns por mais uma resenha amiga, sempre escrevendo bem neh! *_*

    Curtir

    • Nubia Esther

      Veja sim Alay, certeza que você irá gostar. Vou querer saber o que você achou sim. E obrigada, mas ainda acho que essa aqui ficou muito aquém do que eu queria transmitir. =P

      Curtir

  3. Nubia, adorei o post.
    Acho que você falou dele na medida certa, não penso que é o tipo de dorama que há muito o que enfeitar ou enrolar, ele é tem uma história simples e de certa maneira mais madura e acho que seu post mostra isso. As vezes a gente precisa mesmo de uma história mais palpável contada com simplicidade e leveza (não que a gente precise, mas eu pelo menos gosto). Acho que é por isso que ele está na minha lista de top j-dramas.

    A música de abertura é de certa forma viciante, né?! Ela toca tanto e a abertura é tão bonitinha que não tem como não viciar. rs

    Ficou fã do Yamapi? Então se atenha só a carreira de ator dele pq como cantor digamos que ele não é dos melhores. huahuahauahuaha Mas é muito bom ator isso eu concordo.

    Fico muito feliz de ter acertado na escolha do dorama para você. xDD Os outros que mandei tenho certeza que você irá gostar, mas esse foi escolhido pensando no que você sempre falava sobre os j-dramas, então estava bem curiosa para saber sua reação quanto a ele. rs

    Ótimo post!
    Beijos.

    Curtir

    • Nubia Esther

      Oi Pri! Fico feliz que tenha gostado do post! Já posso falar que dentre os poucos j-dramas que vi até o momento, Buzzer Beat está entre os tops também! Já cheguei à conclusão que em se tratando de produções japonesas, as histórias mais maduras e simples são as que mais me fazem feliz hehe.

      Fiquei fã do Yamashita sim, valeu pelo aviso quanto à carreira musical, huahuhuha.

      E eu fiquei viciada nessa música, justamente pela pegada rock que ela tem, já deu para perceber pelo que eu costumo ouvir que prefiro o j-rock né? xD

      =**

      Curtir

  4. Pingback: J-dorama: Ikemen Desu Ne | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s