Seis Coisas Impossíveis (Fiona Wood)

seis coisas impossíveis

“Os interventores passaram pela nossa casa como uma praga de gafanhotos. Foi horrível entrar naquela casa vazia depois. Eu não ouvia eco lá dentro desde que tínhamos nos mudado para lá. Naquela época, era um som que lembrava todas as coisas legais que eu ainda tinha para descobrir. Mas agora soava apenas como O Fim, e coisas que eu achava melhor nem ter ficado sabendo.” 

Dan Cereill tem apenas 15 anos, mas a vida resolveu soltar uma bomba em seu colo: seu pai faliu – o que fez a família perder a casa e tudo o que tinha dentro dela, assumiu que é gay e separou-se de sua mãe, tudo de uma vez só. Dan e sua mãe só não foram parar na rua porque ela tinha recebido de herança da tia uma casa tombada pelo patrimônio histórico, que cheira xixi de cachorro, não pode ser reformada e que no fim das contas pertence é ao governo. Em meio a choques de realidades, Dan tem que se adaptar a casa “nova”, à nova situação de sua família, ajudar a mãe a se reerguer financeiramente e psicologicamente e encarar os desafios da nova escola. E para ajudar nessa tarefa ele conta com sua lista de seis coisas impossíveis de fazer e sonha acordado (bem acordado e atento) com sua vizinha – que ele considera perfeita – Estelle.

“Ela começará a fazer bolos de casamento. Acho que ninguém que acabou de sair de um casamento pensaria justamente nisso, porém nesta casa, além de sarcasmo, há também ironia.”

E é em meio à sarcasmo e ironia que Dan nos conta sua história, e que em alguns momentos pode até beirar um humor sarcástico nível máster. Pode até ser um livro que o Sheldon não entenderia, mas todo esse sarcasmo só deixa a história ainda mais interessante.

Seis Coisas Impossíveis é o primeiro romance de Fiona Wood, que até então escrevia roteiros de séries de TV, talvez venha dessa experiência as características de sua narrativa, um texto bem visual e recheado de diálogos. Prepare-se para mergulhar de cabeça na realidade, junto com Dan e sua mãe. Choques e mais choques que acabam gerando uma lista de seis coisas impossíveis que ao longo de sua jornada Dan acaba acreditando que pode retirar o im- da frente. Enfim, Seis Coisas Impossíveis é um livro sobre se encontrar e vencer obstáculos, mas não é autoajuda, ah, se livros de autoajuda fossem assim: com protagonistas sarcásticos, irônicos, mas também bem humorados; uma mãe um pouco perturbada, mas que se recusa a entregar os pontos; um melhor amigo que te conhece melhor que você mesmo e uma nova amiga que parece ser uma imagem espelhada dele; a garota inalcançável e seus planos mirabolantes; e o cachorro mais fofo, esperto e entendedor de gente como ninguém. A história criada por Fiona Wood tem fórmula simples, que alguns podem até considerar bobinha, e sim, ela até poderia ter esmiuçado melhor os temas abordados, como por exemplo, o futuro do relacionamento de Dan e seu pai. Mas, apesar disso, fiquei cativada pela história de Dan. Seis Coisas Impossíveis é daquele tipo de livro que você lê de uma tacada só e com um sorriso bobo na cara.

PS: Ao Dan também deixo meu agradecimento. Seus comentários sobre a banda TV on the Radio me levaram a pesquisar mais sobre a banda e gostei do que ouvi.

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Travessa Fnac Fnac
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Editora Novo Conceito, Editoras Parceiras, Resenhas da Núbia

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s