O Rei Fugitivo (Jennifer A. Nielsen)

Atenção, esta resenha trata sobre os acontecimentos do segundo livro da Trilogia do Reino. Por isso, pode conter spoilers, revelando parte do conteúdo do livro anterior. Para saber o que eu achei dele, confira links no final desta resenha.

o rei fugitivo

“Foi como se tudo que se relacionasse a Sage voltasse até mim no instante em que vesti suas roupas. Inclusive o instinto de enganar quando pudesse e mentir quando necessário. E também a sensação de que, não importava o quanto tentasse, eu jamais seria melhor que um rato de esgoto. pág. 70”

No final do livro anterior nos despedimos de Sage depois que sua verdadeira identidade nos é revelada. Há um mês, Jaron é o novo rei de Carthya, porém, os cartinianos não acham que ele seja a melhor escolha para ser rei, porém isso pouco importa ao rapaz, sua maior preocupação é convencer seus regentes a ajudá-lo preparar Carthya para uma guerra que ele tem certeza que se aproxima. Ele só não esperava que as ameaças chegassem tão cedo e que seriam direcionadas primariamente à sua pessoa. Os piratas que tentaram mata-lo há tanto tempo estão de volta e exigem sua rendição ou Carthya será destruída. E agora Jaron precisará enfrentar seu passado para garantir que seu reino possa ter um futuro. É preciso ser Sage novamente e se aventurar nas terras do inimigo. E é claro que em meio a isso tudo, amigos transformam-se em inimigos, inimigos em amigos e a tarefa de descobrir em quem se pode confiar fica cada vez mais árdua.

O primeiro livro da trilogia é marcado pelo redescobrimento de Sage como Jaron. Agora no segundo, temos a sua autoafirmação como Rei, não apenas por direito de nascimento, mas também e acima de tudo pelo desejo do povo de Carthya. Nielsen molda seu protagonista sob nossos olhos, explora suas fraquezas, seus defeitos e seus medos sob o nosso crivo, mas também não esquece de mostrar todo o processo de amadurecimento sofrido pelo personagem e que no final das contas o tornou uma pessoa muito melhor. Por não ser uma personagem estática e transitar muito bem entre a linha tênue separando mocinhos e vilões, Jaron ganha muito mais profundidade. Ele não apenas pode ser mocinho ingênuo que acredita em tudo e todos, como também o malandro capaz de ter planos audaciosos para derrotar aqueles que estão colocando seu reino em risco. E, uau, como ficar incólume a um personagem assim?

Assim como no livro anterior, a história de Nielsen continua repleta de reviravoltas, personagens interessantes e muitas lutas e batalhas e assim como no livro anterior é claro que a história não poderia terminar de forma diferente: passamos do amor ao ódio e depois ao amor novamente por alguns personagens, ficamos desiludidos com a quebra de algumas relações, alegres pelo estabelecimento de outras e com a respiração em suspenso com a conclusão desse volume que prepara o terreno para uma conclusão de tirar o fôlego. Agora só nos resta ficar na torcida para que a Verus não demore muito para publicar The Shadow Throne no Brasil e que Nielsen continue nos presenteando com outras boas histórias.

Conheça a Trilogia do Reino (The Ascendance Trilogy):

  1. O Falso Príncipe [Goodreads][Skoob][Resenha]
  2. O Rei Fugitivo [Goodreads][Skoob]
  3. The Shadow Throne [Goodreads][Skoob]

Compre aqui:

Cultura Saraiva Travessa Fnac Fnac
Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Editoras Parceiras, Grupo Editorial Record, Resenhas da Núbia

2 Respostas para “O Rei Fugitivo (Jennifer A. Nielsen)

  1. Pingback: Um Autor de Quinta #98 | Blablabla Aleatório

  2. Pingback: O Trono das Sombras (Jennifer A. Nielsen) | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s