Rushing Amy – Julie Brannagh

Atenção! Esta resenha é do segundo livro da série “A Love and Football”, da Julie Brannagh, e pode conter spoilers do livro anterior. Para ler a resenha do primeiro livro da série, clique aqui.

A festa de casamento de Emily e Brandon acabou e Amy Hamilton ficou sozinha com a bagunça. Matt Stephens chega mais do que atrasado à festa, e eles começam a conversar no bar. Uma semana depois, Matt aparece na loja de Amy, graças aos cartões de visita que Brandon entregou para os jogadores do Sharks. Ele a convida para tomar um café, ela recusa.

Matt não é o tipo de homem que aceita um não como resposta, e a recusa de Amy o faz lutar ainda mais para ouvir o sim. Ele pede para ela montar arranjos de flores para diversas mulheres, sempre deixando Amy acreditar que são mulheres com quem ele está tendo um caso.

Matt é um ex-jogador de futebol que virou comentarista do jogo. Ele também foi um filho que sofreu muito ao ver a mãe lutando para mantê-los. Devido a isso, ele não gosta de ver nenhuma mulher em sua vida sofrendo. Quando ele vê o esforço que Amy faz para manter a loja aberta, seu primeiro instinto é tentar ajuda-la – contra a vontade dela.

Amy sempre se sentiu na sombra de sua irmã, e passou a vida inteira tentando escapar. Por isso, quando ela percebeu que a vida como contadora não a estava fazendo feliz, ela guardou todo o dinheiro que pôde e abriu uma floricultura. Para ela, e extremamente importante conseguir atingir o sucesso sozinha, o que a faz recusar a ajuda dos pais e da irmã. Quando essa sua vontade se choca com a necessidade de Matt de salvar a todos, o casal passa por uma lombada que parece que não vai conseguir superar.

Assim como o primeiro livro da série, a autora foca nos personagens se apaixonando. Não é um processo automático, que acontece da noite para o dia, e é tratado assim no livro. Quando Matt interfere na vida de Amy, e eles brigam, a briga não dura algumas horas, dura semanas, dura o tempo que as personagens precisam para processar e superar o problema. Julie Brannagh consegue capturar em palavras as etapas dos relacionamentos dos personagens que ela cria.

Dos livros de romance que eu tenho lido nos últimos tempos, este com certeza foi um dos que mais valeu a pena. Quando o terceiro livro da série sair, eu com certeza vou compra-lo.

Compre aqui:

Cultura Fnac
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Resenhas da Feanari

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s