A Máquina de Contar Histórias – Maurício Gomyde

Vinícius Becker perde a esposa, Viviana, enquanto estava viajando para o lançamento de seu mais novo livro. Ele volta correndo para São Paulo, na tentativa de estar lá para o enterro, mas mal chega a tempo e sua filha mais velha, Valentina, deixa bem claro o quanto o despreza por ter permanecido longe da mãe nas suas últimas horas viva. O autor percebe que precisa reconquistar o amor das filhas, que mal conhece depois de anos dedicado exclusivamente a seus livros.

A outra filha, Vida, é pequena, então aceita o pai muito mais facilmente, mas Valentina não quer saber do pai por perto. Certo dia, Vinícius lê um e-mail de Valentina para uma amiga no qual ela fala sobre o pai. Na esperança de que a amiga possa ajudá-lo com a filha, ele lhe manda uma mensagem pedindo conselhos.

O autor resolve levar as filhas em uma viagem para se conhecerem melhor e interagirem como família. Ao passearem pelos lugares onde Vinícius e Viviana viajaram, a “família V” vai se reaproximando, e o final feliz não poderia deixar de acontecer. Como sempre, o trajeto interessa (e importa) mais do que o destino final.

Apesar de ter um final previsível (a família voltaria a ser amor puro e eles se entendem), a história foi muito bem escrita e é bastante emocionante. Em diversos momentos me peguei curiosa para saber o que aconteceria depois, e acabei lendo o livro bem antes do prazo que tinha estabelecido. Para um livro pequeno (menos de 200 páginas), ele tem bastante história.

As personagens pareciam pessoas conhecidas, com defeitos e virtudes verossímeis, de modo que parecia que eu estava lendo a história de alguns amigos da família, não de pessoas inventadas. Foi uma leitura prazerosa e rápida, e eu fiquei bastante impressionada com a descrição do autor. Gostei muito de ter tido a chance de ler esta história.

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Travessa Fnac Fnac
Anúncios

1 comentário

Arquivado em Editora Novo Conceito, Lendo aleatoriamente, Resenhas da Feanari

Uma resposta para “A Máquina de Contar Histórias – Maurício Gomyde

  1. Pingback: Surpreendente! (Maurício Gomyde) | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s