Fogo contra Fogo (Jenny Han & Siobhan Vivian)

Atenção, esta resenha trata dos acontecimentos ocorridos no último livro da trilogia Olho por Olho, por isso, pode conter spoilers, revelando partes dos conteúdos dos livros anteriores. Para saber o que eu achei dos demais livros, confira os links no final desta resenha.

 

Com muitas páginas a menos do que Dente por Dente, e mesmo em meio ao luto que permeia toda a primeira parte da trama, Fogo contra Fogo entrega uma narrativa fluida e ágil que lembra muito à do primeiro livro. Nele Han e Vivian enfocaram mais os sentimentos e os relacionamentos de seus personagens. A culpa e o luto que caminham de mãos dadas. A paixão, o ciúme e a amizade, relações que surgem justamente entre quem já esperávamos, mas também entre quem nem cogitávamos. Tudo isso envolto em uma camada de romance sobrenatural que prenuncia tragédia desde o começo.

Dente por Dente terminou em tragédia. Os acontecimentos serviram para que Mary finalmente percebesse a verdade sobre si mesma (ainda que Kat e Lillia nem desconfiem) e para as coisas na Ilha Jar desandarem de vez. Rennie morreu e o luto abateu-se sobre a escola. Kat lida com a tristeza da perda daquela que durante muito tempo fora sua melhor amiga. Lillia lida com a culpa de seu breve relacionamento com Reeve. E Mary, após descobrir do que é capaz e percebendo que está presa à Ilha Jar, decide se tornar uma espécie de anjo vingador dos oprimidos da ilha, enquanto alça seus planos de vingança à novos patamares.

“Por que estou sendo torturada desse modo? Forçada a observar Reeve seguindo em frente com sua vida, a olhar para ele conseguindo o que quer. Observar como ele toma minhas amigas e me apaga deste mundo. Ele não merece ser feliz. Não depois do que fez comigo.

(…)

Eu estava errada. Estava tão errada em relação a tudo. Não somos amigas. Elas não sentem minha falta, não pensam em mim. Se pensassem, isso não aconteceria de jeito nenhum.

A última coisa que me fazia sentir humana, só um pouquinho humana, se foi.” (Página 121)

Desde que o drama adolescente ganhou ares de romance sobrenatural com um toque de terror a la King, era de se esperar que os atos vingativos de Mary tornassem-se mais dramáticos e tivessem consequências mais drásticas. Inspiradas por Carrie (será?), Han e Vivian não decepcionam e Mary ganha mais determinação e uma raiva latente que não se direciona apenas à Reeve (ainda que ele seja o alvo principal), mas também à Lillia e Kat. Em atos crescentes que nos preparam para o embate final. No lado mais normal da história, temos o fortalecimento da amizade de Kat e Lillia e tenho que dizer que a união das duas tornou a Lillia bem mais tragável do que aquela garota que antes só se preocupava com a roupa ideal para cada ocasião e sofria da eterna indecisão de saber de quem queria ser amiga. É por meio dos diálogos das duas, que as autoras não relegaram ao esquecimento o que aconteceu com Lillia, Em Kat ela encontra sororidade. O romance também tem vez com Lillia e Reeve não conseguindo ficar longe um do outro, mas também não assumindo seu relacionamento e com direito até à triângulo amoroso. O drama romântico adolescente está garantido.

Na resenha de Dente por Dente eu comentei que apesar da vibe a la Carrie que as autoras haviam adotado, o final seria muito menos sangrento e o lado romântico e de redenção prevaleceria. Não me enganei. Não foi uma escolha ruim, ainda que a conclusão do drama de Mary tenha sido até um pouco anticlimático. No final das contas, foi uma boa conclusão. Han e Vivian conseguiram imprimir um bom ritmo e trabalharam bem todo o lado fantasmagórico da coisa, mas deixaram a desejar no final dado aos personagens. Tendo como Kat como minha personagem favorita, foi impossível não notar que o melhor foi reservado para Lillia. Os outros personagens mereciam finais menos simplórios e melancólicos. Para os que gostam de drama adolescente com uma pegada sobrenatural (mas nada de vampiro, anjo ou lobisomem) e um toque (bem mínimo) de terror, a trilogia pode ser uma boa pedida.

Leia uma amostra aqui:

Conheça a trilogia Olho por Olho (Burn for Burn):

Compre aqui:

Cultura Amazon Submarino Saraiva Travessa Fnac Fnac
Anúncios

1 comentário

Arquivado em Editora Novo Conceito, Editoras Parceiras, Resenhas da Núbia

Uma resposta para “Fogo contra Fogo (Jenny Han & Siobhan Vivian)

  1. Pingback: Resumo do Mês | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s