Arquivo da categoria: Editora Nova Fronteira

Enders (Lissa Price)

Atenção! Esta resenha trata do último livro da duologia Starters  e pode trazer spoilers do enredo dos livro anterior. Para saber o que eu achei do livro anterior e dos contos extras, confira os links no final desta resenha. 

enders

“Não havia como escapar daquilo. Eu não estava lidando com um inimigo com quem pudesse lutar; ele estava dentro da minha cabeça.” página 39.

Com Starters, Lissa deu início a um romance distópico, com muito mistérios e vários elementos de ficção científica. Callie Woodland, à primeira vista pode parecer uma protagonista bobinha e pouco empática, mas no decorrer da história cresce perante nossos olhos e nos cativa assim como quem não quer nada. Aliás, assim é a história de Lissa. Ela pegou um Estados Unidos detonado pela guerra, com parte da sociedade (pessoas entre 20 e 60 anos) dizimada por terrorismo biológico, e com os sobreviventes assumindo lados opostos na sociedade. De um lado, os Enders, em sua maioria ricos, ou pelo menos em algum cargo de poder; do outro os Starters, se ricos nada tem a sofrer, mas em sua maioria, são jovens órfãos que perderam os pais na guerra e vivem às margens da sociedade ou confinados em casas de detenções. Um recurso abundante para ser utilizado por grupos com interesses escusos, como a Prime Destinations que contratava Starters para alugarem seus corpos aos Enders que desejassem experimentar a juventude novamente. Grupo com o qual Callie acabou envolvida e do qual tornou-se a principal algoz, promovendo a sua destruição. Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Editora Nova Fronteira, Editoras Parceiras, Resenhas da Núbia

Primeiro Capítulo de Morte Súbita

Hoje a Editora Nova Fronteira presenteou os cadastrados no site oficial do novo romance da J. K. Rowling com o primeiro capítulo de Morte Súbita!

Clique aqui para conferir. E se ainda não fez seu cadastro no site, corre lá, porque a editora promete mais surpresas.

Morte Súbita chega às lojas em 5 de dezembro e já pode ser comprado em pré-venda em muitas livrarias online.

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Fnac Fnac Fnac

Deixe um comentário

Arquivado em Editora Nova Fronteira, Editoras Parceiras

Livro “Morte Súbita” da J.K. Rowling já tem site oficial!

A Editora Nova Fronteira disponibilizou hoje o site da edição brasileira do novo romance da J.K. Rowling e promete surpresas para os fãs que fizerem cadastro no site.

Vocês podem conferir o site oficial de “Morte Súbita” aqui: http://www.mortesubitaolivro.com.br/.

 

Sinopse:

Quando Barry FairBrother morre inesperadamente aos quarenta e poucos anos, a pequena cidade de Pagford fica em estado de choque. A aparência indílica do vilarejo, com uma praça de paralelepípedos e uma antiga abadia, esconde uma guerra. Ricos em guerra com os pobres, adolescentes em guerra com seus pais, esposas em guerra com os maridos, professores em guerra com os alunos… Pagford não é o que parece ser à primeira vista.

A vaga deixada por Barry no conselho da paróquia logo se torna o catalisador para a maior guerra já vivida pelo vilarejo. Quem triunfará em uma eleição repleta de paixão, ambivalência e revelações inesperadas? Com muito humor negro, instigante e constantemente surpreendente, Morte Súbita (The Casual Vacancy) é o primeiro livro para adultos de J. K. Rowling.

 Bom, apesar de preferir sua narrativa juvenil e ter lá minhas dúvidas de que essa estrada nova seguida pela Rowling seja o caminho certo, quero muito ler Morte Súbita. [cara de pau mode on] Aliás aceito de presente viu! [cara de pau mode off].

 

 

1 comentário

Arquivado em Editora Nova Fronteira, Editoras Parceiras

A Travessia de Caleb (Geraldine Brooks)

Caleb Cheeshahteaumauk da tribo wôpanâak da ilha Noepe (atual Martha’s Vineyard, Massachusetts), foi o primeiro indígena a se formar na Universidade de Harvard em 1665. Os registros desse marco histórico e os detalhes de seu acesso à universidade e sua vida de estudante são escassos, mas bastaram algumas informações fragmentadas para inspirarem Geraldine Brooks a recontar a saga de Caleb.

“Suponho que precise narrar a minha vida, o meu papel na travessia de Caleb de seu mundo para o meu, e o que fluiu a partir daí.”

Para narrar esta história, Brooks nos dá Bethia, que nos conta em uma narrativa por vezes errante entre os eventos passados e presentes, todo seu relacionamento com o jovem wampanoag e todos os acontecimentos decorrentes de sua “intromissão” no mundo do garoto. Neta do fundador da comunidade inglesa da ilha Noepe (Great Harbor) e filha do pastor local, Bethia sempre teve um espírito independente e um pendor para os estudos, que naquela época eram restritos aos homens. Costume que não a impediu de aprender às escondidas e não somente os estudos clássicos que seu irmão tinha, mas também a língua dos nativos que o pai estudava para assim ter sucesso na conversão dos indígenas. Ao lhe proibirem o estudo formal, Bethia passou a utilizar a ilha como sua fonte de aprendizado e em suas andanças solitárias deparou-se com o garoto Cheeshahteaumauk. Começa então uma relação de amizade entre a garota e o jovem wampanoag. É assim que Bethia torna-se Olhos de Tormenta e Cheeshahteaumauk, Caleb. Brooks coloca a amizade como força motriz para todos os acontecimentos vindouros, pois se com ela Bethia passa a conhecer mais sobre os wampanoags e admirar sua cultura é através dela que ela modifica o mundo de Caleb e lhe dá vislumbres do que o conhecimento fornecido pelos forasteiros poderia lhe oferecer. Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Editora Nova Fronteira, Resenhas da Núbia