Arquivo da tag: Editora Suma das Letras

Marina (Carlos Ruiz Zafón)

“Na época, não sabia que, cedo ou tarde, o oceano do tempo nos devolve as lembranças que enterramos nele. Quinze anos depois, a memória daquele dia voltou para mim. Vi aquele menino vagando entre as brumas da estação de Francia e o nome de Marina se acendeu de novo como uma ferida aberta.”

Em maio de 1980, Óscar Drai, então com 15 anos ficou desaparecido durante uma semana. Ninguém sabia o porquê, quando e como, mas quinze anos depois Óscar assume o papel de narrador e compartilha conosco os acontecimentos que culminaram em seu desaparecimento…

Em setembro de 1979, Óscar estudava em um internato em Barcelona, mas conseguia burlar a vigilância dos padres para se aventurar pelas ruas da cidade, sua predileção eram os bairros antigos e esquecidos, aqueles nos quais a vida parece ter deixado de existir. Talvez isso fosse verdade para a maioria dos casarões daquele bairro abandonado, mas em um deles morava uma garota. Marina mora com seu pai Germán que parece estar muito doente e leva uma vida a parte, mas da qual Óscar logo passa a ser integrante. Com Marina novas aventuras são oferecidas e nesses passeios por lugares esquecidos eles testemunham uma misteriosa mulher depositar uma rosa vermelha em um túmulo com uma lápide sem inscrição, apenas o desenho de uma borboleta negra. Ao escolherem segui-la e desvelar o mistério que a ronda, Óscar e Marina são ‘convidados’ a tomar parte em uma estranha história e sofrer todas as penalidades inerentes a isso. Continuar lendo

2 Comentários

Arquivado em Resenhas da Núbia

Labirinto (Kate Mosse)

Apenas mais um livro sobre o Graal? Quando li sobre Labirinto pela primeira vez, esta foi a pergunta que logo surgiu. Tinha dúvidas se a história teria algo de diferente ou se teria caído na mesmice. Resolvi pagar para ver, quero dizer para ler.

Felizmente, meus temores não se confirmaram. É mais uma história sobre o Graal sim, mas é uma história que difere das demais. Só para vocês terem uma ideia não lemos sobre cálices, tigelas… Pois é, só não conto para vocês o que ele é para não estragar a surpresa. Mas, engana-se quem pensa que Labirinto só versa sobre o Graal. Ele tem o seu papel de destaque, mas as histórias que ocorrem ao seu redor e que decorrem de sua busca são a parte mais interessante e emocionante da obra.

Primeiro somos apresentados à Alice Tanner em julho de 2005. Durante uma escavação arqueológica da qual estava participando como voluntária. Durante as escavações Alice guiada por uma sensação que não consegue explicar escolhe um local para explorar e ali ela descobre dois esqueletos. Quem iria imaginar que esta descoberta desencadearia uma série de acontecimentos e que Alice estaria na voragem deles? Logo fica claro que muitas histórias necessitam ser esclarecidas e que sua vida corre perigo… Continuar lendo

8 Comentários

Arquivado em Resenhas da Núbia

Destino – Ally Condie

Ganhei este livro numa promoção do Viagem Literária da Nanda. Normalmente eu demoro um pouco mais para ler livros que eu ganho em promoção (ainda não li Cotoco, e acho que tem quem lembre como eu surtei pra ganhar né?), mas o livro é fino e levinho, perfeito pra eu levar comigo pra ler no bus no caminho do trabalho. E que bom que eu escolhi este livro.

A história de Cássia é simplesmente viciante. Ela vive em uma sociedade no futuro na qual o governo (chamado de “Sociedade” pelos moradores) tem total poder sobre a vida dos cidadãos. E quando eu digo total, é total MESMO. São eles que decidem que tipo de roupa você vai usar, quanto e o quê você come, os exercícios que você pode praticar, seu trabalho e carreiras, com quem você vai se casar, quando vai ter filhos e, finalmente, quando você vai morrer. As poucas decisões que uma pessoa pode fazer em sua vida são: O que fazer nas horas livres (sendo que tanto quando elas são quanto as opções do que fazer são definidas pela Sociedade) e se a pessoa vai querer se casar/ter filhos ou não. Continuar lendo

14 Comentários

Arquivado em Lendo aleatoriamente, Resenhas da Feanari