Arquivo da tag: estante

TAG 50%

Até o ano passado, estava pouco adepta das metas e dos desafios literários. Este ano, as metas continuam flexíveis, mas acabei me envolvendo em alguns desafios literários (que já me renderam ótimas leituras). E, já que a primeira metade do ano já foi, achei legal responder a TAG 50% para manter um registro das minhas experiências literárias do primeiro semestre e quiçá estabelecer mais algumas metas para o resto do ano.

A TAG 50% foi criada pela Chami do canal Read Like Wild Fire (IsthatChami) e traduzida pelo Victor Almeida do canal Geek Freak, mas conta com alguns adicionais.

ALGUNS NÚMEROS:

Livros Lidos: 24

Livros novos na estante: 44

Livros passados adiante: 32

Gêneros literários lidos: aventura, biografia, clássicos, contos, crônicas, fantasia, ficção científica, histórias em quadrinhos, não ficção, realismo fantástico, romance histórico, romance contemporâneo, romance policial e YA (young adult).

Países lidos: li livros de 11 países diferentes, quase a quantidade total de países lidos no ano passado. Aos poucos estou conseguindo colocar mais diversidade e representatividade nas minhas leituras. Os que li foram: Austrália, Brasil, Canadá, Colômbia, Estados Unidos, Japão, Nova Zelândia, Reino Unido, Romênia, Sudão e Zimbábue.

Autores lidos: Dentre os 24 livros, foram 24 autores (não repeti nenhum este ano ainda!): nove homens e 15 mulheres.

Autores NOVOS lidos: este ano já conheci 18 autores novos, 5 homens e 13 mulheres.

Releituras? Nenhuma.

Continuar lendo

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, Resenhas da Núbia, TAGs

TAG – Histórias de Quintal

Esta TAG  foi criada pela Ângela do canal Ao sol, no quintal (vocês podem ver o vídeo dela clicando aqui). Já tem mais de um mês que ela publicou o vídeo da tag no canal e desde então muita gente já respondeu, eu cheguei atrasada, mas achei tão legal as perguntas que tive que responder. Então, vamos lá:

  1. Um livro triste.

Já li um bocado de livros triste, e sim, sou daquelas que choram lendo, dentre os livros mais recentes que li, posso destacar dois: Vozes de Tchernóbil (Svetlana Aleksiévitch) faz parte daquele rol de leituras angustiantes, que expõem a pequenez e escancaram a fragilidade da humanidade, mas também sua resiliência. Sobre o acidente nuclear de Tchernóbil há muito se fala, em livros, filmes, documentários, mas o registro feito por Svetlana talvez seja o retrato mais humano e empático dessa catástrofe. Todo dia a mesma noite (Daniela Arbex) traz a história da tragédia da Boate Kiss em Santa Maria – RS. Foi um livro que comecei a ler com receio de que trouxesse uma exposição exacerbada desse episódio ainda tão dolorido, mas o registro feito com muita sensibilidade e respeito pelas vítimas, mostrou-se importante frente a impunidade que até hoje perdura. É uma forma de não nos esquecermos, de não deixar que o clamor pela justiça seja sepultado. Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – 20 Fatos Literários Sobre Mim [Mari]

TAG_literaria

A Núbia pediu para eu responder à TAG e eu não sei dizer não para ela, então estou roubando uns minutos de sono (vou pagar por isso, mas vale a pena!) para responder.

1) Sou fã incondicional do autor
Bom, qualquer pessoa que me conhece sabe que o Bernard Cornwell é o dono da minha estante. Já comprei livro porque tinha uma frase na capa falando que ele recomendava, hihihi. Daí vem a Diana Gabaldon, autora de Outlander, uma série fan-tás-ti-ca. Desses dois, até post-it eu leria com prazer! Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – 20 Fatos Literários Sobre Mim [Núbia]

Vi esta TAG no canal Ao sol, no quintal (vocês podem ver o vídeo da Ângela clicando aqui). Ela foi tagueada pela Tamy do canal Literatamy. Ninguém me marcou, mas eu decidi responder porque gostei muito dos tópicos elencados.

  1. Sou fã incondicional do autor(a).

Acho que não é segredo para ninguém que sou fã de carteirinha (com direito a ter participado durante um bom tempo de um fórum dedicado a ele) do J.R.R. Tolkien. O Bernard Cornwell é outro autor que virei fã depois de ter lido sua trilogia sobre o Rei Artur e do qual gosto cada vez mais a cada livro dele que leio. Posso dizer o mesmo sobre a Svetlana Aleksiévitch, cada livro dessa mulher é um soco no estômago e uma lição de humanidade. Continuar lendo

3 Comentários

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – De A a Z

Vi esta TAG no canal da Tatiana Feltrin (vocês podem ver o vídeo da Tati clicando aqui), que viu no canal da lia O livro (veja o vídeo). Ela foi adaptada a partir de uma tag publicada em um blog gringo (o The Perpetual Page Turner), e apesar de ser antiguinha e muita gente já ter respondido, achei legal trazê-la aqui para o blog também. Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – Sua Vida em Livros

Achei esta TAG assistindo aos vídeos antigos do canal da Tatiana Feltrin. Ela traduziu de um canal da gringa (infelizmente o vídeo original não está mais disponível no Youtube) e o vídeo original da Tati vocês podem ver clicando aqui. É bem antiguinha, mas tem umas perguntas interessantes e achei que seria legal respondê-las. Vamos lá. Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – Prêmio Nobel de Literatura

Depois de mais de um mês sem aparecer uma TAG por aqui, escolhi para responder uma TAG bem legal que envolve o Prêmio Nobel de Literatura. A TAG foi criada pela Ana Luísa do canal Analu Bussular livros e mais, mas eu a vi pela primeira vez no canal da Mari Dal Chico que respondeu juntamente com a Mell do Literature-se e a Isa do Lido Lendo.

Vamos às categorias?

1 – Um autor ganhador de Nobel que você já leu.

Seguindo o exemplo da Camila do Viaggiando, não vou me ater apenas a um nome, por ordem cronológica de premiação, já li Rudyard Kipling (O Homem Que Queria Ser Rei e Outras Histórias), Ernest Hemingway (O Velho e o Mar, que pretendo reler este ano), Albert Camus (A Morte Feliz), Pablo Neruda (Cem Sonetos de Amor), Gabriel García Márquez (Memórias de Minhas Putas Tristes e O Amor nos Tempos do Cólera), José Saramago (Ensaio Sobre a Lucidez) e Svetlana Aleksiévitch (Vozes de Tchernóbil). Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG 100% ou Retrospectiva Literária

Sendo pouco adepta de metas literárias, nunca havia sentido a necessidade de parar para pensar sobre como foi o meu ano de leituras, em alguns momentos até cheguei a elaborar listas dos dez melhores livros do ano e tal, mas cheguei à conclusão que esse tipo de postagem não me agrada, apesar de adorar ver as listas dos outros. Mas, após começar o Projeto Volta ao Mundo em 198 Livros e pensar mais sobre o consumo de literatura escrita por mulheres, comecei a pensar mais sobre como consumo a literatura ao longo do ano e acho que fazer uma Retrospectiva Literária no formato de TAG pode ser uma forma legal de manter um registro que permita fazer comparações e identificar pontos que quero mudar com o passar do tempo. Surgiu assim a TAG 100%.

Ela foi inspirada na TAG 50% que foi criada pela Chami do canal Read Like Wild Fire (IsthatChami) e traduzida pelo Victor Almeida do canal Geek Freak, mas conta com alguns adicionais. Vamos descobrir como foi o meu ano literário?

1 – ALGUNS NÚMEROS:

Livros Lidos: 45

Livros novos na estante: 120

Livros passados adiante: 112

Adquiri muitos livros, mas também fiz os da estante circular. No final das contas, a estante não cresceu tanto assim, o que foi algo extremamente positivo.

Gêneros literários lidos: aventura, biografia,  contos, diário, distopia, divulgação científica, fantasia, ficção científica, não ficção, thillers, realismo fantástico, romance histórico, romance contemporâneo, suspense. Apesar de ter lido poucos livros em comparação aos anos anteriores, consegui manter a diversidade.

Países lidos: li livros de 13 países diferentes este ano e espero aumentar muito este número em 2018, a estante já está devidamente paramentada para esta tarefa. Os que li foram: África do Sul, Austrália, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Canadá, Coreia do Norte, Estados Unidos, Finlândia, Irlanda, Islândia, Moçambique, Reino Unido e República Dominicana.

Autores lidos: aqui está um ponto onde ainda quero melhorar e tentar ser mais igualitária entre livros escritos por homens e mulheres. Este ano li 28 livros escritos por homens e 17 por mulheres.

Autores NOVOS lidos: este ano conheci 20 autores novos, 13 homens e sete mulheres.

Releituras? Sim. Este ano reli a trilogia O Senhor dos Anéis e o Harry Potter e a Pedra Filosofal, este último na edição belamente ilustrada pelo Jim Kay. Continuar lendo

3 Comentários

Arquivado em Lendo aleatoriamente, Resenhas da Núbia, TAGs

Star Wars Book TAG

Com a estreia do mais novo filme da franquia (que eu já vi e gostei muito!), achei que seria legal responder a TAG criada pela Gabriela e pela Sibelle do canal Sibelle Lobo, que eu vi no Who’s Geek.

A TAG original tinha sete perguntas que remetiam aos filmes. Tomei a liberdade de modificar a pergunta relacionada com O Despertar da Força (a pergunta original não fazia tanto sentido estando tão perto do fim do ano) e adicionei uma relacionada com Os Últimos Jedis. Vamos às categorias? Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs

TAG – 7 Pecados Literários

E eu continuo na minha saga de desenterrar TAGs antigas e respondê-las aqui no blog… Eu não sei quem foi que criou a TAG, mas eu vi lá no blog da Lady Sybylla, o Momentum Saga. E como o próprio nome diz a ideia é correlacionar cada um dos sete pecados capitais com livros. Vou tentar me ater a um livro por pecado, mas não garanto nada. Vamos lá!

1 – GANÂNCIA: Qual o seu livro mais caro?

Apesar de namorar aquelas edições de luxo dos livros do Tolkien publicadas pela HaperCollins (veja um exemplo aqui), meu lado bookaholic sem dinheiro não me deixa gastar tantos golpinhos assim. Meus livros, em sua maioria, foram comprados em promoções, mesmo os da finada Cosac não custaram tanto assim. Tenho lá minhas dúvidas, mas acho que esse posto está dividido entre o Fazendo Meu Filme – Volume Único – Edição de Colecionador da Paula Pimenta e os Contos Completos do Liev Tolstói publicado pela Cosac.

2 – IRA: Com qual autor você tem uma relação de amor e ódio?

Este posto é teu George R.R. Martin! Impossível não amá-lo por suas histórias e seus personagens e odiá-lo por quão descartáveis ele consegue tornar estes últimos. A sua demora em publicar o sexto volume das Crônicas de Gelo e Fogo só colabora para colocar mais lenha nessa fogueira. Continuar lendo

1 comentário

Arquivado em Lendo aleatoriamente, TAGs