Um Drink Antes da Guerra (Dennis Lehane)

UmDrinkAntesdaGuerra

Um Drink Antes da Guerra foi publicado em 1994 e marca a estreia de Lehane na ficção policial. É neste romance que também somos apresentados à dupla de detetives que protagonizam muitos dos livros publicados pelo autor: Patrick Kenzie e Angela Gennaro. Confesso que a dupla não me era desconhecida, há muito tempo já havia lido Gone, Baby, Gone e naquela época já havia sido cativada pela narrativa sombria e ácida de Lehane e por seus personagens.

“Pessoas morreram no verão passado. Quase todas inocentes. Algumas mais culpadas que outras.
E pessoas mataram no verão passado. Nenhuma delas era inocente. Sei disso; fui uma delas. Por trás do cano de um revólver, mergulhei o olhar em olhos dominados pelo medo e pelo ódio, e neles vi meu reflexo. Apertei o gatilho para fazer com que desaparecesse.
Ouvi o eco de meus tiros, senti o cheiro de explosivos e, na fumaça, continuei a ver meu reflexo, e me dei conta de que sempre haveria de vê-lo.”

Os clientes da vez são três homens com bastante influência no jogo político da cidade de Boston: os senadores Sterling Mulkern e Brian Paulson e o deputado Jim Vurnan. O trabalho? Recuperar documentos comprometedores que podem afetar um projeto de lei polêmico na próxima semana. Esses documentos foram roubados por Jenna Angeline, faxineira dos gabinetes de Mulkern e Paulson, que está desaparecida há nove dias. Só que quando Patrick encontra Jenna, descobre que há muito mais nessa história do que os políticos deixaram entender. E depois disso, a tarefa de encontrar Jenna e avisar os políticos toma um rumo completamente inesperado, principalmente quando as informações colhidas por Jenna a transformam em vítima e colocam Kenzie no fogo cruzado de gangues de rua.

Preconceito é a palavra-chave nessa história. Crimes raciais, a guerra (declarada, mas considerada tácita aos olhos da lei) entre brancos e negros, políticas contra a discriminação racial e seu impacto na sociedade, tudo isso entra em foco na narrativa de Lehane. E a morte de Jenna, coloca rastilho nessa bomba. Só que podem até terem tentado silenciá-la, mas Patrick não deixará barato. Descobrir o motivo e fazer os responsáveis pagarem por ele será seu objetivo. E quando Patrick assume ares de justiceiro, acompanhar seus planos é uma atividade bastante interessante. Principalmente quando eles envolvem ações pouco ortodoxas e personagens que compartilham com Kenzie e Angie seu senso de humor ácido e refinado. Quer seja o anacrônico Bubba que tem raiva de tudo e todos, menos de Patrick e Angie a quem defende com unhas e dentes, mentira, na verdade com fuzis e quem sabe até algumas granadas. O jornalista Richie, que não se priva de botar a boca no trombone, mesmo sendo por um lado motivo de piada dos que estão no poder e por outro, motivo de ódio dos outros negros que acham que por estar “bem de vida” se vendeu aos brancos. Ou até, os policiais Devin e Oscar, que como oficiais da Lei muitas vezes tem que agir impedindo os detetives de concluir suas empreitadas, mas que em outras oportunidades até os auxiliam, nem que seja só fazendo vista grossa.

a-drink-before-the-war

A guerra está pronta para estourar e os responsáveis por ela irão pagar muito caro. Saber o que ocasionou todos esses eventos é o grande segredo que Lehane sustenta com maestria até o final. Em seu primeiro romance, o autor já dá mostras da atmosfera sombria e sufocante e dos personagens ambíguos que se tornariam mais tarde sua marca registrada. Leitura altamente recomendada aos fãs de romances policiais. O autor tem seis livros protagonizados pela dupla e cada um funciona bem sozinho, ou seja, dá para ler em qualquer ordem ou só ler alguns dos livros que compõe a série. Mas, só se seu interesse na obra se restringir apenas ao “caso” da vez, já que uma das principais características dos personagens é a sua intensa relação que ultrapassa a amizade e a parceria de trabalho. Uma leitura aleatória, apesar de prazerosa (como tive oportunidade de conferir), não te permite acompanhar o desenvolvimento dessa relação e as implicações disso na vida dos dois. Foi por isso, que decidi começar a ler a série toda em ordem cronológica e concluída a leitura do primeiro livro, acho que posso dizer que me tornarei fã do Kenzie e da Angie definitivamente.

Conheça a série:

  1. Um Drink Antes da Guerra [Skoob][Goodreads]
  2. Apelo às Trevas [Skoob ][Goodreads]
  3. Sagrado [Skoob][Goodreads]
  4. Gone, Baby, Gone [Skoob][Goodreads]
  5. Dança da Chuva [Skoob][Goodreads]
  6. Estrada Escura [Skoob][Goodreads]

Compre aqui:

Fnac
Anúncios

5 Comentários

Arquivado em Resenhas da Núbia

5 Respostas para “Um Drink Antes da Guerra (Dennis Lehane)

  1. Ei Núbia,

    Adorei, vou colocar na lista e agradeço pela dica. Não sabia que era uma série e não li nada ainda do autor. Espero gostar como você. 🙂

    bjs
    Nanda

    Curtir

  2. Pingback: Um Autor de Quinta #39 | Blablabla Aleatório

  3. Pingback: Apelo às Trevas (Dennis Lehane) | Blablabla Aleatório

  4. Pingback: Sagrado (Dennis Lehane) | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s