Olho Por Olho (Jenny Han & Siobhan Vivian)

Olho-por-Olho

“Se for para entrar, é para ir até o fim. Até nós três conseguirmos o que queremos. Senão, bem… você pode se considerar a caça. A estação de caça vai abrir, e nós teremos muita munição para usar contra você. Se você não pode jurar que irá até o fim, então é melhor fingir que esta noite não ocorreu.”

Kat está cansada de servir de alvo para os comentários depreciativos de Rennie, alguém que um dia ela já considerara uma amiga e que agora banca a rainha do bullying com ela. Lilla está acostumada a servir de exemplo, guiar sua irmã mais nova e impedir que ela se machuque, mas por um descuido seu, a reputação de Nádia fica comprometida e ela sabe que não pode deixar isso passar em branco. Mary viveu na Ilha de Jar até os 13 anos, até que uma experiência traumatizante levou-a a deixar o lugar com sua família. Agora está de volta, determinada a dar a volta por cima e exorcizar os fantasmas do seu passado.

Kat, Lilla e Mary não têm nada em comum uma com a outra, e apesar de duas delas terem um passado em comum, no presente nada havia que pudesse reuni-las. Não algo que pudesse juntá-las em um mesmo grupo de amigos, agora quanto à um grupo (ou melhor trio) secreto vingador, aí já é outra história… O terceiro ano na escola secundária da Ilha de Jar será abalado por um elaborado esquema de vingança.

A premissa que Jenny Han e Siobhan Vivian escolheram para desenvolver a trilogia Olho por Olho pode até estar bem batida ultimamente na literatura, mas a abordagem é um tanto diferente. Não é uma história apenas de superação, não é uma história que se inicia com uma tragédia. Em Olho por Olho você não encontrará um adolescente que cansado de servir de alvo para chacota, um dia surta e descarrega seu desespero com uma arma, a resposta não é tão imediata assim. Sim, as três protagonistas estão cansadas de terem seus direitos comprometidos, mas decidem que juntas podem virar o jogo e fazer os algozes sentirem na pele o sofrimento impingido a elas. Um revide que começa com um senso de justiça, do lado certo da história, mas que aos poucos adquire novas tonalidades, ganha atitudes injustificáveis e as engolfa em algo que as mudará para sempre.

Essa é a linha de pensamento que vem sendo conduzida desde o início da história, uma linha coerente e dramática. Uma história que prometia focar-se nas mudanças que o ato de vingança provocaria em Kat, Lilla e Mary, as comemorações pelos sucessos dos primeiros planos, o crescer constante da ousadia, a sensação de invencibilidade e a posterior queda provocada pelo choque da realidade. Isso tudo entremeado pelas experiências particulares de cada uma, e aqui faço uma crítica sobre a forma superficial com que as duas autoras trataram sobre um caso de estupro, sei que não é o foco da história, mas se incluiu o tema que pelo menos o tratassem de forma mais conscienciosa. Então, por quê? Por que incluir uma vertente sobrenatural a um plot que já estava redondo o suficiente? Deixem as Carries para os livros que tratam sobre as Carries. Sei que muitos curtiram e aprovaram essa guinada nos acontecimentos, mas desde que a sugestão dessa vertente apareceu na história foi impossível não torcer o nariz. No fim das contas foi uma das coisas que mais pesou (negativamente) na hora de avaliar a história. De resto, a escrita à quatro mãos funcionou muito bem. Apesar de a história ser dividida entre três narradoras, é possível perceber que ambas as autoras trabalharam em todas as vozes, produzindo uma narrativa coesa e bem estruturada. Mas, já aviso, Olho por Olho é um romance sobre vingança adolescente, então saiba que encontrará escancarado ali, todos os dilemas dos jovens nessa idade. Não espere encontrar algo diferente disso e se não gosta de dramas adolescentes, esta trilogia não é para você.

O final dessa primeira parte termina em um baita de um cliffhanger, bom por um lado por que lhe deixa no afã pelo próximo livro, ruim porque considerando apenas Olho por Olho, é uma história inacabada. Os personagens são interessantes e a leitura é fluída e ágil, mas ainda tenho lá minhas dúvidas que o tema abordado seja amplo o suficiente para uma trilogia, ainda acho que com mais algumas páginas essa trama poderia encerrar-se nesse primeiro livro (e de maneira satisfatória), mas vamos ver que surpresas os próximos livros nos reservam.

Conheça a trilogia Olho por Olho (Burn for Burn):

  1. Olho por Olho [Goodreads][Skoob]
  2. Dente por Dente [Goodreads][Skoob]
  3. Ashes to Ashes (previsto para 2014)

Compre aqui:

Cultura Submarino Saraiva Travessa Fnac Fnac Fnac
Anúncios

1 comentário

Arquivado em Editora Novo Conceito, Editoras Parceiras, Resenhas da Núbia

Uma resposta para “Olho Por Olho (Jenny Han & Siobhan Vivian)

  1. Pingback: Dente por Dente (Jenny Han & Siobhan Vivian) | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s