K-dorama: Lie To Me

A premissa da história é bastante boa: como a mentira pode afetar nossa vida. Os atores escolhidos para viverem os protagonistas também trabalharam muito bem, mas, no fim fiquei com a sensação de que o drama poderia ter sido mais, tanto em desenvolvimento dos personagens, quanto na conclusão da história, que achei pouco convincente com aquela história da indecisão da Ah Jung, depois de tanta mentira envolvendo o fato. Apesar disso, foi divertido acompanhar o drama, ri em várias cenas, passei raiva em outras tantas e senti muita vergonha alheia pela protagonista que só sabia dar vexame (desnecessários na maioria das vezes).

  • Título: 내게 거짓말을 해봐 / Naege Geotjitmaleul Haebwa
  • Gênero: romance, comédia
  • Episódios: 16
  • Período em que foi ao ar: 09/Maio/2011 à 28/Junho/2011
  • Rede de televisão: SBS
  • Diretores: Kim Su-Ryong, Kwon Hyuk-Chan
  • Roteirista: Kim Ye-Ri

Antes de começar a falar da história propriamente dita, vamos as apresentações dos personagens principais…

Hyun Ki Jun (interpretado por Kang Ji Hwan) é herdeiro e presidente de uma importante cadeia de hotéis, o moço sofre de TOC agudo (e sim eu esperava que essa sua faceta fosse melhor aproveitada, já que no episódio inicial ela rendeu cenas bem divertidas) e é extremamente exigente com seus funcionários. Perdeu os pais quando ainda era muito jovem e foi criado junto com o irmão pela tia. No passado esteve noivo, mas terminou o relacionamento quando descobriu que o irmão nutria sentimentos pela moça, desde então a relação entre eles anda estremecida.

Gong Ah Jung (interpretada por Yoon Eun Hye) é funcionária do ministério da cultura esporte e turismo. Começou na carreira pública por causa de um antigo amor, mas foi passada para trás pela “amiga” que se casou com ele. É uma boa empregada, mas um tantinho azarada, e um grande evento do ministério organizado por ela, acabou em fiasco! Seu chefe exige que ela escreva uma carta de retratação ou demissão e a moça decide ir para um bar, afogar as mágoas e escrever a bendita carta de demissão.

No bar, Ah Jung se encontra com Hyun Sang Hee (Sung Joon), o irmão de Ki Jun que está de volta à Coreia e fugindo do reencontro com o irmão. O moço parece se interessar por ela desde o início, mas vai embora às pressas do lugar (levando a tal carta de demissão dela) para fugir do irmão que o achou lá. E aqui começa o primeiro vexame (de incontáveis) da Ah Jung perante o Ki Jun, ela passa mal perto dele, que por achar que ela pode lhe dar pistas sobre o paradeiro do irmão a leva para o hospital e acaba ficando por lá a noite inteira, sendo até confundido como sendo marido dela! No outro dia, eles se separam e poderia tudo ter terminado aí, se outra personagem não resolvesse dar as caras e provocar a Ah Jung…

Yoo So Ran (Hong Soo Hyun) a “amiga” que se casou com o homem que ela gostava, resolve aparecer e humilhar a Ah Jung porque ela ainda não se casou (como se isso fosse humilhação, mas tudo bem) e esta para não ficar por baixo decide inventar uma mentirinha, a de que é casada! Mas, é claro que a outra começa a espalhar aos quatro ventos a novidade, e basta verem Ah Jung e Ki Jun juntos em uma situação um pouco comprometedora para que o marido seja escolhido e a mentirinha atinja patamares astronômicos! A bagunça está armada e a mentira que seria apenas para enganar a amiga da onça, acaba virando um plano para Ki Jun conseguir um importante negócio para a empresa da família, e o que era mentira começa dar mostras de algo verdadeiro quando um sentimento mais forte começa a surgir entre os dois. Mas, é claro que tem mais nessa história, já que a ex-noiva, Oh Yoon Jo (Cho Youn Hee), retorna a Coreia disposta a reconquistar Ki Jun e o Sang Hee realmente parece estar sentindo algo mais pela Ah Jung, é, fatos do passado podem repetir-se…

Como escrevi lá no início prepare-se para passar muita vergonha alheia com a Ah Jung, mas também para se divertir muito com as cenas protagonizadas por ela e pelo Ki Jun, a moça consegue desestruturar o empresário totalmente e isso é muito legal, mas ainda achei que poderiam ter explorado essa faceta do relacionamento melhor. No início temos um Ki Jung quase déspota com sua mania de perfeição e rigor no trabalho e de repente no fim ele está quase um desencanado total, cadê o meio termo, as cenas hilárias para marcar essa transformação? Ainda bem que o mesmo não se pode dizer da relação da Ah Jung com a So Ran, adorei como souberam trabalhar a personagem e dar um maior desenvolvimento para ela ao longo da trama, eis uma personagem que achei que iria odiar do início ao fim, mas que mostrou que tinha muito mais além da superfície birrenta para mostrar. Enfim, gostei da história e dos personagens, mas, sim, esperei um pouco mais do final… Ah, e a Eun Hye continua chorando muito, como sempre.

Vale a pena mencionar:

  1. É impressão minha, ou a casa de Ki Jun é a mesma casa da família da Hye Ri em Prosecutor Princess?
  2. O merchandising para os livros do Stieg Larson fori ferrenho!
  3. Se um escândalo pessoal, envolvendo uma relação matrimonial, faz alguém responder uma ação disciplinar no serviço público, imagina como um caso de corrupção seria tratado por lá… O Brasil podia importar alguns costumes do Oriente para fazer um faxina por aqui né?

Para conferir:

Projeto do fansub Asiam Team (necessário cadastro). Projeto do fansub Yö Dramas. Projeto do Ohayo Dramas fansub. Prestigiem os fansubs!

Episódios em rmvb no AnimeXGames.

Fontes:

http://asianwiki.com/Lie_to_Me_(Korean_Drama)

http://mydramalist.info/title/7823/naege_geojitmareul_haebwa

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em Dorama aleatório

5 Respostas para “K-dorama: Lie To Me

  1. CAMILA

    É o melhor!!!!!!!!!

    Curtir

  2. luiza

    olha só, li essa resenha no Asian Team esses dias e por ironia do destino vim parar aqui…

    Curtir

  3. Jaqueline

    Eu gostei de Lie to Me mas super concordo com você quando escreve que o dorama podia ter sido melhor trabalhado. Os personagens secundários acabaram ficando muito soltos no ar. Vi em alguns blogs muitas pessoas que não acharam o Hyun Ki Jun muito bonito, mas eu achei … nossa que homão ! kkkkkk mas as vezes ele tinha uma pinta de gay no dorama, até pesquisei depois pra ver se achava algo, mas não encontrei. Sabe me dizer se ele é? De qualquer forma isso não muda o fato dele ser lindo kkkk !
    Li também que o diretor do dorama foi mudado mais ou menos na metade, isso deve explicar a mudança ( que pra mim foi gritante) na história, acredito que o primeiro trabalhou melhor todos os personagens.

    Curtir

    • Nubia Esther

      Nossa, também achei o Kang Ji Hwan muito bonito, mas não achei que tem pinta de gay não, mas sei lá, não sei muito sobre o ator. Essa do diretor ter sido trocado não sabia não, achei que ambos havia trabalhado desde o início juntos, talvez isso explique a falta de uma transição mais marcada em algumas características dos personagens.

      Curtir

  4. Jaqueline

    Nossa, agora que notei que o Kang Ji Hwan é o mesmo ator que faz Capital Scandal ! Engraçado que não notei ele com essa pinta no Capital Scandal, acho que era porque em Lie to me ele dava uma requebradas cômicas em alguns momentos! kkkkkkkkkkk :’D

    Curtir

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s