Blood Promise – Richelle Mead

Atenção, este post trata do quarto livro da série Vampire Academy, de Richelle Mead, e pode conter spoilers do enredo dos livros anteriores. Para ler as resenhas dos outros livros da série, clique no nome do livro: Vampire Academy (livro 1), Frostbite (livro 2) e Shadow Kiss (livro 3)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Após o desfecho intrigante, surtante e inesperado de Shadow Kiss (lançado no Brasil pela Editora Agir como Tocada pelas Sombras), encontramos Rose entrando em ação desde as primeiras páginas de Blood Promise (que está em vias de sair aqui no Brasil como Promessa de Sangue e deve manter a capa –>).

Por entrar em ação, eu me refiro a tentar cumprir uma promessa que fez a Dimitri ao longo dos livros anteriores, por mais difícil que esta se prove ser. Para honrar esta promessa, Rose teve que se despedir de Lissa de uma maneira bastante permanente, já que sua “missão” só poderia ser cumprida fora dos muros da Academia de St. Vladismir…

Sozinha e – quase – sem amigos, Rose encontra mais problemas do que esperava. E se depara com muitas tentações de desistir de sua missão e viver uma vida confortável e normal. Será que Rose conseguirá manter sua palavra?

Enquanto isso, Lissa, Christopher e Adrian conhecem Avery, uma Morai que à primeira vista parece reunir o melhor de Lissa e Rose, e que logo se enturma com os vampiros, fazendo com que Lissa esqueça seus problemas e a saudade que sente de Rose.

Sem dúvida o quarto livro da série é o que nos deixa mais tempo com o coração na boca – acho que uns 70% do livro, se não mais. O jeito de escrever de Richelle me fez devorar suas 503 páginas em  menos de um dia, um feito incrível para mim. Queria ter encontrado os dois livros que dão continuação à série, Spirit Bound e Last Sacrifice, nas minhas últimas excursões por livrarias…

Anúncios

9 Comentários

Arquivado em Lendo aleatoriamente, Resenhas da Feanari

9 Respostas para “Blood Promise – Richelle Mead

  1. As histórias de vampiros exercem um fascínio que não se pode definir. Queria mensurar, mas acho vezes de maneira racional, acho que nós gostariamos de ter este dom de não envelhecer, será que é isso?
    Não há histórias sobre idosos, não é?

    Nubia sempre me surpreende e estou em dívida, sem conseguir acompanhar os blogs parceiros.
    Bjs

    Renata

    Curtir

    • Oi Renata, obrigada pelo comentário =)
      Realmente, o sobrenatural e o imortal nos atraem porque relutamos em aceitar que nossa existência é tão curta… (mesmo que haja vida após a morte, ela seria outra “etapa”, sem dúvida diferente desta agora).
      Mas existem sim histórias sobre velhos, só precisamos saber procurá-las. Estes dias eu resenhei o sexto livro da série Outlander, na qual os protagonistas estão beirando seus 50 anos =)
      bjos e volte sempre

      Curtir

  2. Pingback: Este mês (março 2011) | Blablabla Aleatório

  3. Pingback: Spirit Bound – Richelle Mead | Blablabla Aleatório

  4. Pingback: Last Sacrifice – Richelle Mead | Blablabla Aleatório

  5. Pingback: Um Autor de Quinta #12 | Blablabla Aleatório

  6. Pingback: Bloodlines – Richelle Mead | Blablabla Aleatório

  7. Pingback: The Golden Lily – Richelle Mead | Blablabla Aleatório

  8. Pingback: The Indigo Spell – Richelle Mead | Blablabla Aleatório

Gostou do post, então comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s